Hora  3 horas 38 minutos

Coordenadas 3427

Enviada em 5 de Fevereiro de 2021

Registrada em Fevereiro 2021

-
-
379 m
84 m
0
3,7
7,4
14,77 km

Visualizado 302 vezes, baixado 11 vezes

perto de Aguiar de Sousa, Porto (Portugal)

VÊ AS NOSSAS FOTOS PARA INSPIRAR A TUA PRÓXIMA AVENTURA
Never Stop Exploring
Caminhantes, trails to inspire your next adventure



PARQUE DAS SERRAS DO PORTO

O Parque das Serras do Porto, com perto de 6.000 hectares, é composto por seis serras: Santa Justa, Pias, Castiçal, Santa Iria, Flores e Banjas, abrangendo território dos municípios de Gondomar, Paredes e Valongo. Esta área, classificada desde 2017, como Paisagem Protegida Regional, integra o Sítio Rede Natura “Valongo” e o Parque Paleozóico de Valongo. Aqui, os visitantes podem desfrutar da imensa beleza cultural e paisagística de serras, vales e rios, salientando-se a singularidade geológica, que nos leva a uma interessante viagem pela Era Paleozoica.

Os vales dos rios Ferreira e Sousa convidam a um certo isolamento em estreito contacto com a natureza, enquanto o efeito miradouro das linhas de cumeada proporciona uma excelente perspetiva do território envolvente. Atualmente, o Parque das Serras do Porto tem três centros de receção ao visitante com informação útil sobre o Parque (Visitar Página oficial).



TRILHOS DAS SERRAS DO PORTO

O Parque está, desde setembro de 2020, a criar uma Rede de Percursos Pedestres que irá ligar os vários trilhos e sinalizar o seu património biológico, geológico, arqueológico, imaterial e construído. São quase 260 km de trilhos para calcorrear por terras de Gondomar, Paredes e Valongo. A rede será composta por uma grande rota, que deverá totalizar 57km ao longo dos três concelhos, e 19 percursos distintos, com pequenas rotas em cada território que deverá estar finalizada na Primavera de 2021. O projeto prevê a instalação de mobiliário, sinalética e uma página web para ajudar quem fizer os percursos, fornecendo informação sobre o território e os pontos de interesse. Enquanto aguardamos a conclusão do projeto começamos a percorrer os trilhos previstos, naquilo que podemos chamar de uma versão de reconhecimento, para inspirar a tua próxima aventura pelo Parque das Serras do Porto…


DESCRIÇÃO DO TRILHO REALIZADO
PR - TRILHO HISTÓRICO (SERRA DE SANTA IRIA)


O trilho percorre a Serra de Santa Iria que com uma altitude de 416 metros é a 2361ª elevação de Portugal Continental. Está situada a sudoeste de Outeiro e a noroeste de Serra das Banjas. Neste percurso é possível o contacto com a natureza e o desfrute da paisagem envolvente, bem como a zona do Lugar do Salto e o contacto com os aglomerados rurais da Sarnada e Senande. O percurso, nas zonas mais altas, é realizado predominantemente por caminho florestal, onde predominam os eucaliptos e nas zonas mais baixas, por caminhos asfaltados. Aconselha-se o uso de GPS, os referidos trilhos estão em fase de implementação e não encontramos sinalética suficiente e inequívoca do trilho que seguíamos, podendo levar a erros de orientação no terreno, principalmente nos aglomerados habitacionais.

Iniciamos o trilho no Lugar do Salto, será provavelmente o local oficial de inicio e fim deste trilho, aqui encontramos um amplo estacionamento e serviços de apoio. No local não encontramos qualquer painel informativo ou sinalética do percurso. Na ausência informação e de marcações no terreno realizamos o trilho no sentido dos ponteiros do relógio.

Seguimos rua abaixo em direção ao Rio Sousa e ao largo da Senhora do Salto. O lugar da Senhora do Salto “obriga” a uma pausa para contemplação do espaço envolvente de rara beleza e tranquilidade. Esta zona integra a Rede Natura 2000, que confere proteção aos habitats e espécies da flora e fauna, sendo possível a observação do falcão peregrino, a andorinha das rochas, entre outros. O lugar do Salto está envolto numa lenda, segunda a qual um cavaleiro se livrou da morte ao invocar a proteção da Senhora após um salto inadvertido no abismo. Em sinal de agradecimento pelo milagre, o cavaleiro terá mandado construir a pequena Capela da Nossa Senhora do Salto.



O percurso continua por amplo caminho florestal que passa por baixo do Viaduto da A41 para ao km 0,9 encontrarmos a bifurcação do trilho - até aqui o troço é comum ida e volta. Optamos, sem qualquer razão em especial, por seguir pela esquerda, no sentido dos ponteiros do relógio. Continuamos por amplo caminho florestal, onde predominam os eucaliptos, e que sobe paulatinamente até aos 317 metros de altitude.

Este PR é comum a outros percursos pelo que se deve prestar especial atenção ao GPS, alguns locais que poderão suscitar dúvidas assinalamos no trek com pontos Seguir à esquerda. O trilho segue o amplo caminho por entre o eucaliptal, baixa ligeiramente para voltar a subir até à sua cota máxima aos 374 metros de altitude, muito próximo do Marco Geodésico Santa Iria.

Interseta a GR ao km 6,5 e rodamos totalmente para baixar até à EN 319-2 que interseta por algumas vezes o trilho entre os lugares de Sarnada e Senande. Atravessamos o casario rural de Sarnada por caminho asfaltado, cruzamos a A41 por um viaduto e seguimos para o próximo aglomerado rural onde visitamos a Igreja Matriz de Senande.



Agora seguimos o velho Trilho da Peregrinação pela rua que atravessa o pequeno lugar de Senande em direção a Norte, à Nossa Senhora do Salto. É um caminho por onde passa a procissão da Nossa Senhora do Salto, no primeiro domingo de maio. Depois das últimas casas do lugar o caminho asfaltado dá lugar ao já habitual caminho florestal, onde predominam os eucaliptos, e acompanha a autoestrada A41 pelo que o ruído automóvel está sempre presente ao longo do trajeto. Intersetamos o troço comum do PR e descemos até à Capela da Senhora do Salto, agora aproveitamos para descer até ao Miradouro da “Boca do Inferno”


O local possui uma vista deslumbrante para o rio e “Boca do Inferno”. Este espaço paisagístico, de rara beleza, está encravado entre altas serras por onde corre o rio Sousa. Aqui o Rio Sousa atravessa as rochas quartzíticas que devido à sua dureza e resistência à erosão formam um vale bastante apertado e profundo com vertentes verticais. Nos troços de rochas xistentas, de caraterísticas mais brandas, o vale é aberto formando-se meandros e depósitos aluvionares. Neste local a presença de rápidos, a sequência de pequenas curvas e ainda as vertentes perfeitamente verticais conjugam-se para oferecer uma paisagem de rara beleza.



LENDA DA SENHORA DO SALTO: No local, é ainda possível observar uma pedra aplanada com cinco covas. É esta pedra o mote para as lendas que marcam esta zona. Conta-se que foi nessa rocha que um cavaleiro, perseguido por uma lebre ou um veado (encarnação do Diabo), terá caído, tendo sobrevivido por invocação e proteção de Nossa Senhora. Assim, as ditas “cinco covas” da pedra dirão respeito às quatro patas e ao focinho do equídeo. Diz-se, também, que a pequena capela de Nossa Senhora do Salto tenha sido mandada construir precisamente por este cavaleiro, como agradecimento pelo milagre.

Depois de apreciar toda esta envolvência resta-nos seguir até ao estacionamento, ponto de inicio e fim deste trilho.


FICHA TÉCNICA
Realização: 5 de fevereiro de 2021
Percurso: Salto - Santa Iria - Sarnada - Senande -Salto
Distancia: 14,8 km
Duração: 3h44min
Tempo em movimento: 3h02min
Tempo parado: 0h42min
Movimento médio: 4,8km/h
Acumulado positivo: 557m
Acumulado negativo: 547m



TRILHOS JÁ REALIZADOS NO PARQUE DAS SERRAS DO PORTO

MUNICÍPIO DE GONDOMAR
TRILHO DA SERRA DO CASTIÇAL
TRILHO DO VOLFRÂMIO - SERRA DAS FLORES
TRILHO DA CARQUEJA - SERRA DAS BANJAS
TRILHO DE BELÓI - ALTO DA PENECA

MUNICÍPIO DE PAREDES
TRILHO HISTÓRICO - SERRA DE SANTA IRIA
TRILHO DO VALE DO TORNO - SERRA DO CASTIÇAL
TRILHO DA RIBEIRA DE SANTA COMBA
TRILHO DE ALVRE
TRILHO DOS MOINHOS
TRILHO DE PIAS E CASTIÇAL
TRILHO DO MEL E DO OURO ROMANO

MUNICÍPIO DE VALONGO
TRILHO DO CASTELO+CORREDOR ECOLÓGICO+ROMANOS





Se gosta das nossas trilhas adiciona a tua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Waypoint

LUGAR DO SALTO (ESTACIONAMENTO)

Waypoint

RIO SOUSA

Waypoint

CAPELA DA SENHORA DO SALTO

Waypoint

VIADUTO A41

Waypoint

SEGUIR À ESQUERDA

Waypoint

SEGUIR À ESQUERDA

Waypoint

MARCO GEODÉSICO SANTA IRIA

Waypoint

PANORÂMICA RIO DOURO

Waypoint

INTERSEÇÃO GR

Waypoint

LUGAR DE SARNADA

Waypoint

FONTE

Waypoint

IGREJA MATRIZ SENANDE

Waypoint

MIRADOURO 'BOCA DO INFERNO'

Comentários

    Você pode ou esta trilha