Horas  8 horas 38 minutos

Coordenadas 2261

Uploaded 26 de Dezembro de 2017

Recorded Dezembro 2017

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1.230 m
570 m
0
4,9
9,8
19,5 km

Visualizado 2368 vezes, baixado 152 vezes

próximo a Campo do Gerez, Braga (Portugal)

FOTOS DESTA E DE OUTRAS TRILHAS EM ”CAMINHANTES"

O trilho realizado tem início/fim no Campo do Gerês, junto à Albergaria Stop. Desenvolve-se em plena Serra do Gerês, sendo o resultado da junção de velhos trilhos que resultou num conjunto muito bonito e diversificado, com condições para ser feito, exclusivamente, a pé. É um percurso com um grau de dificuldade médio a elevado, sendo recomendado para pessoas com alguma preparação física e experiência. Saindo do Campo do Gerês seguimos a N307 cortando pouco depois à esquerda por amplo caminho de terra que progressivamente foi estreitando dando lugar a um velho trilho o qual seguimos em direção ao Penedo Furado e Prado do Gamil cruzando por várias vezes o Ribeiro da Roda. Chegados ao Prado de Gamil fizemos a pausa para o reforço da manhã, local com uma bica de água que permite o abastecimento, caso seja necessário. O trilho prossegue com magnificas panorâmicas sobre a albufeira de Vilarinho das furnas até ao Pé do Cabril, passando pelo Ribeiro do Sarilhão. Chegados ao Pé do Cabril fizemos um pequeno desvio para efectuar a ascensão ao seu cume. Este cume é um dos mais visíveis e um dos mais facilmente reconhecíveis para quem observa ao longe a serra do Gerês. Este pico atinge uma altitude máxima de 1236 metros e possui uma proeminência de 373 metros o que faz desta montanha a 12ª mais alta da serra do Gerês (50ª mais alta de Portugal continental) e a 3ª mais proeminente desta serra (27ª mais proeminente de Portugal continental). Desde o topo desta montanha pode ver-se a parte ocidental da serra do Gerês incluindo picos como o Pé de Medela, o Borrageiro, o Tonel, o Piorneiro, o Alto de Modorno, e a Chã da Presa. Também visível e muito próxima está a serra Amarela que se avista do outro lado da albufeira de Vilarinho das Furnas e onde podemos facilmente identificar a Cruz de Touro e a Louriça. A sul pode observar-se a parte oeste da serra da Cabreira. Ao longe são visíveis as serras da Cabreira, de Fafe Basto e da Peneda. Depois de algumas fotos do cume, descemos e voltando ao percurso fizemos a pausa para almoço. Já de estômago aconchegado pelo farnel e bolos próprios da época natalícia acompanhados de café e bebida espirituosa caseira seguimos em direção ao Alto do Cancelo, Prado Amarelo e Alto da Varziela. Agora começa-se a descer, passamos o Muro da Varziela, em direção ao estradão da Via Nova Romana, em plena Mata de Albergaria avistamos o Rio Forno na confluência com o Rio Homem o qual seguimos pela sua margem esquerda ao longo da Bouça da Mó, passando por diversas fontes: Balsada, Vale dos Porcos, Pedredo… e diversos Marcos Romanos: Milhas XXXII, XXXI, XXX… Voltamos a cruzar o Ribeiro do Sarilhão, agora junto à sua confluência com o Rio Homem. Pouco à frente deixamos o estradão para descer por caminho de pé posto em direção à Geira Romana a qual seguimos por um curto período até voltarmos à N307 que passando pelo Parque de Campismo da Cerdeira leva-nos até ao Campo do Gerês, local de término deste trilho.

OBSERVAÇÕES:
- Percurso não sinalizado, existem mariolas mas levam para diferentes trilhos, aconselha-se o uso de GPS.
- É um trilho difícil, principalmente para os menos habituados devido aos fortes declives, para quem não estiver preparado fisicamente pode ser uma experiência dolorosa.
- Este trilho não deve ser feito em dias de chuva ou mesmo de chuva nos dias anteriores, pois é feito sobre muita rocha que molhada constitui um sério perigo!

IMPORTANTE:
Segundo as regras do PNPG, dada a localização em Área de Proteção Parcial de Tipo I, não é permitido a grupos superiores a 10 pessoas a realização deste trilho sem autorização prévia.

5 comentários

  • DiogoHiker 27/dez/2017

    Obrigado pela descrição. Já está nos meus favoritos.

  • bruno_9610 25/jul/2018

    Trilho em muito mau estado na parte da serra
    Junto á barragem está 5 *
    De outro lado está mesmo péssimo , muitas árvores caídas no caminho e tudo por limpar dificuldade muito elevada , pelo mau estado

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 26/jul/2018

    Olá bruno_9610!
    Obrigado por atualizar as condições do trilho, será sempre util para quem estiver a planear a atividade.
    Boas caminhadas.

  • Foto de Nuno Melo e Castro

    Nuno Melo e Castro 17/ago/2019

    I have followed this trail  verificado  View more

    A parte final na mata da albergaria tem algumas partes muito fechadas com a vegetação, pelo que o uso de calças é muito aconselhado. Muito bom trilho.

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 18/ago/2019

    Olá Nuno Melo e Castro!
    Obrigado por atualizar as condições do trilho, será sempre util para quem estiver a planear a atividade.
    Boas caminhadas.

You can or this trail