Tempo em movimento  3 horas 38 minutos

Horas  5 horas 46 minutos

Coordenadas 1886

Uploaded 23 de Setembro de 2019

Recorded Setembro 2019

-
-
1.561 m
1.428 m
0
2,5
5,0
10,06 km

Visualizado 32 vezes, baixado 2 vezes

próximo a Sabugueiro, Guarda (Portugal)

Trilho das 6 Lagoas - Serra da Estrela

Fomos hoje fazer este belíssimo trilho de montanha, bem ao nosso gosto, onde o som do silêncio é fantástico.

Este trilho poderá ser dividido em 3 partes: a primeira em que caminhamos por cima das condutas de água até ao Covão do Forno, tendo ao nosso lado esquerdo o Covão do Curral, do outro lado da estrada nacional que passa lá por baixo.

Após o Covão do Forno, derivamos para nordeste/este em terrenos da Canariza e aqui começa a aventura, o desafio, o isolamento e o silêncio. Não há caminho delineado e só muita vegetação rasteira e alta, que nos obriga a ter cuidado onde se pisa e a andar continuamente à procura de mariolas que quase não se vislumbram. Alturas houve que uma catana tinha dado jeito. O entretenimento é de primeira e passámos por locais, paisagens lindíssimas e que nos relembram a nossa estatura " pequenina ". A montanha tem uma paz, uma beleza, uma 'agressividade' , dimensão, "brutalidade" e encanto que só este tipo de trilhos nos oferecem. Não é por acaso que continuam a ser os nossos trilhos preferidos, em altitude, com dificuldade acrescida; é quase como um jogo do gato e do rato em que nós somos o gato e uma "simples passagem" se torna no rato, que logo nos foge para outra passagem a descobrir.

Passamos nesta fase pela Lagoa Seca, pela Lagoa Redonda, passamos na Nave Descida, - entre a Canariza e a Nave Descida subimos aos 1.700 metros - avistamos a Barragem do Lagoacho ao longe, para chegarmos depois de 5 kms percorridos em "labirinto" ,ao Covão dos Conchos com o seu gigantesco funil que canaliza a água desta barragem para a Lagoa Comprida. Hoje o "ralo" estava seco.

A terceira parte é muito mais fácil e mais enfadonha mas não menos bela. Caminhamos por um estradão de terra batida, tendo sempre como companhia os arbustos rasteiros de zimbro que dominam a paisagem - mastiguei alguns que mais parecia que estava a beber um "gin" ( faltou a tónica ,mas como também bebo gin puro...) - e na passagem em Charcos, atingimos os 1760 metros de altitude. Depois é só a descer com alguma " montanha russa" , com a Lagoa Comprida ao nosso lado esquerdo, até terminarmos o trilho .Praticamente 10 kms com esforço físico moderado, exigindo mais prudência e agilidade do que propriamente "força" de pernas. Aliás as percentagens de pendentes não são exageradas e muito curtas. No trilho das Faias as subidas são bem mais longas.

No todo, um trilho que voltaremos a fazer com todo o prazer daqui a 3 semanas, com os membros do grupo que nos quiserem acompanhar. Pelo nosso lado, ficou-nos no coração ❤
foto

Photo

foto

Photo

foto

Zimbro

foto

Covao do Forno

foto

Mato

foto

Lagoa Seca

foto

Photo

foto

Lagoa Redonda

foto

Photo

foto

Photo

foto

Photo

foto

Barragem do Lagoacho

foto

As mario..linhas

foto

Covao dos Conchos

foto

Barragem dos Conchos

foto

Lagoa Comprida

Comentários

    You can or this trail