Horas  4 horas 33 minutos

Coordenadas 983

Uploaded 17 de Janeiro de 2018

Recorded Janeiro 2018

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1.873 m
1.534 m
0
1,8
3,7
7,37 km

Visualizado 673 vezes, baixado 14 vezes

próximo a Penhas da Saúde, Castelo Branco (Portugal)

FOTOS DESTA E DE OUTRAS TRILHAS EM ”CAMINHANTES"
A atividade planeada pretendia explorar todo o potencial invernal da Serra da Estrela, percorrendo os denominados corredores de neve, que só se formam durante esta estação, quando a neve e o gelo preenchem os vales estreitos e encaixados, criando formações únicas… no entanto, neste fim-de-semana, não nos foi possível como planeado fazer progressão por terrenos mistos de rocha, neve e gelo. Encontramos uma serra coberta por um bonito manto de neve fofa, não existindo condições para percorrer os corredores de neve do covão de ferro. Hoje, as estradas de acesso à Torre e Covão d`Ametade estavam fechadas ao trânsito em Piornos, junto ao Centro de Limpeza de Neves.
Posto isto, deixamos os carros no parque de estacionamento junto ao Centro de Limpeza de Neves e o trilho resumiu-se à subida até ao Covão do Boi (alt. 1850m) junto à imagem da Nossa Senhora da Boa Estrela.

Seguimos em direção à Nave de Santo António, planície arenosa, a 1550 metros, originada por uma antiga lagoa glaciária, onde se evidencia o Abrigo dos pastores e o Fontanário, aqui também desfrutamos de uma panorâmica única sobre os três cântaros. Atravessamos a planície e fomo-nos apercebendo da dificuldade de progressão devido às condições da neve fofa resultante do nevão durante a noite. Seguimos o PR6MTG - Rota do Glaciar, com vista para o Covão do Ferro e Espinhaço de Cão, até à imagem da Nossa Senhora da Boa Estrela, no Covão do Boi. Ao longo do percurso é possível apreciar os corredores do Covão de Ferro…

No Covão do Boi fica o maior conjunto de blocos pedunculados e colunares da serra da Estrela, resultantes da erosão e conhecidos localmente como 'queijeiras', existindo no local um painel explicativo.
Aqui, se pode admirar também a padroeira dos pastores, a “Senhora da Boa Estrela”, com mais de 7 m de altura, esculpida na rocha dos contrafortes do Cântaro Raso em baixo relevo, da autoria de António Duarte, e inaugurada em 1946. Deste local é possível observar os Cântaros Gordo, Magro e Raso, afloramentos graníticos que atingem, respetivamente, 1.875m, 1.928m e 1.916 m de altitude.

Depois de subir pelo pequeno canal lateral da padroeira contornamos o contraforte e regressamos pelo mesmo percurso até ao Centro de Limpeza de Neves da Serra da Estrela em Piornos, onde terminou a atividade!
Espinhaço de Cão e vista para paredes de escalada.

1 comment

  • DiogoHiker 18/jan/2018

    Obrigado pela descrição. Já está nos meus favoritos.

You can or this trail