Dificuldade técnica   Moderado

Horas  um dia 7 horas 59 minutos

Coordenadas 7009

Uploaded 3 de Dezembro de 2015

Recorded Novembro 2015

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1.449 m
830 m
0
10
20
40,39 km

Visualizado 891 vezes, baixado 85 vezes

próximo a Riacho Fundo, Minas Gerais (Brazil)

Lapinha Tabuleiro foi minha segunda travessia, essa travessia é um espetáculo de beleza sendo considerada a terceira mais famosa e bela travessia, tendo como ponta de partida o município de Lapinha da Serra e terminando na portaria do parque no distrito de Tabuleiro.

Vou deixar um relato sobre nossa aventura, éramos um grupo de 5 pessoas.

Partimos pra serra do Cipó na sexta-feira dia 27/11/15 chegando na pousada do Júnior por volta de 00:30h, fomos recepcionados pelo Júnior e conversamos um pouco sobre a travessia, mas já era tarde e tínhamos que dormi pra acordar 5:00h da manhã pra sair as 5:30h em direção a Lapinha da Serra, a empolgação pra começar a travessia era tamanha que o fato de dormi menos de 4h não seria problema.

As 5:30h saímos da Serra do Cipó em direção a Lapinha, no caminho paramos em uma padaria para lanchar, e diga-se de passagem o pão de queijo estava uma delicia, chegando no início da travessia 7:30h. Mochila nas costas, foto pra registrar o início da nossa aventura e partimos em direção a Tabuleiro, o início da trilha é ao lado da represa de Lapinha, um cenário lindo que faz imaginar a beleza da travessia.
Início da nossa travessia foi contornando o pico do Breu, quanto mais subia tínhamos uma vista linda da represa que ficava ao fundo junto com Lapinha, já ao final da subida passamos em uma capelinha de pedra onde paramos pra tirar algumas fotos e pedir proteção e continuamos nossa travessia.

Ao longo do caminho fomos tirando algumas fotos para registrar a paisagem linda ao nosso redor, chegando à prainha por volta de 11:30h após percorrer 10km. A prainha é um lugar lindo, formada por uma areia misturada a pequenas pedras que margeia o rio Parauninha de águas escuras, mas em certo ponto a água fica dourada, lindo de vê. Lá ficamos até 14h para evitar caminhar no vale a nossa frente com o sol muito forte, aproveitamos para tirar fotos, tomar um banho e alimentar.

Tarde adentro fomos avançando em direção a Tabuleiro, nosso objetivo no primeiro dia era chegar a casa da Dona Maria onde acampamos. No meio da tarde logo após passar a placa que indicava a casa da Ana Benta, que também é um ponto de apoio para acampar, fomos agraciados com uma chuva, paramos colocamos as roupas impermeáveis e as capas das mochilas e vamos que vamos, mas logo a chuva passou.

Chegamos então ao finalzinho da tarde por volta de 18h na casa da Dona Maria, no GPS marcava 23km percorridos, e atrás de nos vinha armando uma chuva forte, então agilizamos a montagem das barracas porque montar barraca na chuva não é legal, kkkk, mas após alguns pingos a chuva se foi.

Não tem como relatar essa travessia sem dedicar algumas linhas para descrever a receptividade da Dona Maria, senhora de 78 anos, com lenço na cabeça, olhar humilde e sempre com um sorriso no rosto, nos recendo tão bem, deixando nos tão a vontade que me senti em casa. Preparamos nosso jantar no fogão a lenha, tomando um cafezinho da Dona Maria e batendo papo, Dona Maria nos contava um pouco de como era morar ali e das pessoas que como nos por ali passaram, a noite foi chegando e muito cansados fomos dormi.

Pela manhã de domingo acordamos, tomamos café na cozinha da Dona Maria, deixamos as mochilas e as barracas, levamos apenas camelbak e mochila de ataque e saímos em direção a parte de cima da cachoeira do Tabuleiro por volta de 9h, lugar lindo formado por um Kenio por onde correr uma água fria e escura que forma a cachoeira do Tabuleiro, após algumas fotos retornamos, essa parte da casa da Dona
Maria até o Kenio foi 8km de ida e 8km de volta, na ida foi mais tranquilo, o sol ajudou e tínhamos apenas que descer, mas tudo que desce sobe, kkk, a volta foi pesada o sol estava castigando e a subida ficou ainda mais puxada, como dizem: o radiador ferveu...kkkk.... retornando ao nosso ponto de apoio na casa da Dona Maria as 13h

Chegamos na casa da Dona Maria depois de ter visitado a parte de cima da Cachoeira, desmontamos a barraca e arrumamos as mochilas e fizemos um lanche. Hora de nos despedir da Dona Maria e começar a descida íngreme de cerca de 6km até a portaria do parque, ao longe avistamos no caminho a cachoeira do Tabuleiro, dessa vez não deu pra irmos até a cachoeira, chegando na portaria por volta as 15:30h encontramos com o Júnior que foi nós regastar de volta a serra do Cipó. No distrito de Tabuleiro fizemos uma parada para almoçar no Rupestre, onde comemos um almoço delicioso.

Chegando na pousada do Júnior tomamos nosso banho juntamos as coisas e nós despedimos do Júnior e partimos de volta para casa com as energias renovadas e o coração cheio de alegria e belas recordações.

Dicas:
- Use protetor solar, boné ou chapéu para proteger do sol.
- Não precisa levar muito água, uma camelbak de 2l e uma garrafinha é o suficiente pois existe vários pontos de água no caminho.
- Você ira precisar retornar de Tabuleiro, nós deixamos o carro na serra do Cipó na pousada do Júnior, eu recomendo contratar o Júnior para fazer esse translado/resgate ou mesmo como guia durante a travessia, o contato http://www.pousadavilacipo.com.br/
- Acampe na casa da Dona Maria, la poderá tomar banho quente a 5 reais, jantar e café da manhã por 40 reais ou mesmo alugar quarto na casa dela pra dormi.
  • Foto de Acampamento
Acampamento no terreiro da casa da Dona Maria
Agua parada
  • Foto de Mata

3 comentários

  • Foto de Carlos Magno Trekking

    Carlos Magno Trekking 3/dez/2015

    Matinha da prainha do rio Parauninha.
    Bom lugar para fazer uma parada, aproveitar tomar um banho de rio e fazer um lanche para continuar a caminhada. https://pt.wikiloc.com/trilhas-outdoor/travessia-lapinha-x-tabuleiro-contornado-pico-do-breu-caminho-mais-facil-com-pontos-marcados-11570299#wp-11570323/photo-7050815

  • Foto de Elisneide A. Guimarães

    Elisneide A. Guimarães 19/dez/2015

    I have followed this trail  View more

    Trilha top d+

  • Foto de Elisneide G Almeida

    Elisneide G Almeida 19/jan/2016

    I have followed this trail  View more

    Faria novamente....

You can or this trail