Horas  um dia 4 horas 44 minutos

Coordenadas 3359

Uploaded 26 de Novembro de 2018

Recorded Novembro 2018

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1.485 m
857 m
0
6,5
13
26,08 km

Visualizado 469 vezes, baixado 14 vezes

próximo a Benfica, Minas Gerais (Brazil)

LEIA A DESCRIÇÃO.

Trajeto realizado em dois dias, com pernoite nas proximidades da Cachoeira da Grota.

> Esta trilha passa por ÁREAS PARTICULARES: SEJA DISCRETO, NÃO DEIXE LIXO, NÃO FAÇA FOGO, FECHE AS PORTEIRAS.

LOGÍSTICA:
O trajeto foi realizado de forma autônoma. Saindo de Belo Horizonte, ônibus da viação Serro até o acesso de São José da Serra, na rodovia MG-010 (linha BH x Rio Vermelho, 06:00), depois trecho a pé até o ponto inicial da trilha (aprox. 9k).

Antes de ir, já tinha combinado uma carona com um grupo que fez um acampamento na Cachoeira da Grota, acabei retornando com eles a BH. Há um ônibus rural que liga São José da Serra a Jaboticatubas, passando pela estrada do Bom Jardim, é preciso se atentar em relação aos horários e dias disponíveis. Neste caso será preciso andar um pouco mais, até chegar a estradinha do Bom Jardim.

Outra opção é deixar o veículo em alguma das extremidades e combinar um resgate, já que o trecho entre os pontos é relativamente curto, com aprox. 18k.

A TRILHA:

1º dia: São José da Serra x Cachoeira da Grota
A trilha tem início em uma porteira vermelha, que está trancada, mas com uma passagem lateral. A caminhada começa em ligeiro aclive, por uma estradinha precária, com muitas valas. Adiante, após uma cerca, é preciso dobrar à direita para atalhar a caminhada por uma trilha bem consolidada.

A trilha segue subindo, deixando um trecho de cerrado para atravessar os campos rupestres. A subida fica mais exigente e com muitos cascalhos e calhaus de pedras. O aclive segue acentuado até próximo da porteira do alto da serra, quando a caminhada passa a ser pelo topo da Serra da Lagoa Dourada.

Após a porteira é preciso ficar atento, pois a trilha segue pela direita, no rumo sul. A caminhada segue em ligeiro aclive, passando entre campos e cerradinhos, até o ponto alto da Serra da Lagoa Dourada, com uma bela visão do entorno. Depois é um ligeiro declive até as proximidades do Rio Jabuticatubas, onde é feito o acesso para a cachoeira da Lagoa Dourada (também conhecida como das Fadas ou Jaboticaba).

O acesso ao poço é feito por uma trilha discreta que desce pelos afloramentos rochosos. O local é ótimo para descanso e banho, com vários poços bem agradáveis ao longo do cânion.

Retornando ao topo da cachoeira, a trilha segue no rumo sul, atravessando o Rio Jaboticatubas. A partir desse ponto a trilha passa a ser mais discreta, mas trata-se de um trecho fácil de percorrer. Sugiro manter sempre à direita, caminhando próximo ao pé da serrinha. Os caminhos de gado aparecem e desaparecem. 880 metros após cruzar o rio, é preciso deixar o fundo do vale para iniciar a subida desse "degrau" da Serra da Lagoa Dourada. A subida é por uma trilha suja, com vários afloramentos, que se assemelha, em alguns pontos, com caminho de enxurrada.

Depois de subir um pouco o caminho fica um pouco mais evidente e vai derivando para noroeste. No ponto indicado é preciso seguir pela esquerda, tomando o rumo sul novamente. Por uma trilha suja a caminhada segue por trecho de campos, com amplo visual para o vale do Rio Jabuticatubas. No ponto indicado é preciso deixar a trilha consolidada que segue para sudoeste e caminhar por campos, ora por trilhas discretas, ora sem trilha definida, até próximo de um cerradinho.

No final desse trecho de campos tem início uma subida em direção ao ponto culminante da travessia, no qual o GPS marcou 1.485m. Do outro lado da serra tem início uma longa descida, com trechos mais suaves e outros mais acentuados. A trilha alterna trechos bem marcados com trechos sujos e discretos. Depois de cruzar o Ribeirão Bom Jardim a descida se torna mais acentuada, com muitas pedras soltas que demandam atenção. Já com o local de camping no visual, a trilha corta alguns afluentes do Bom Jardim e segue por campos.

O acampamento foi feito próximo ao Ribeirão Bom Jardim, um pouco acima da Cachoeira da Grota. A descida até o poço da cachoeira, que é ótimo para banho, é feita pelas rochas laterais, o que exige alguma técnica e cuidado.

2º dia: Cachoeira da Grota x Restaurante Coqueiros

Saindo do local de acampamento, segue-se em direção à parte alta do campo, onde há um cocho. Começa então uma subida moderada, por uma trilha suja em meio a campos rupestres e um cerradinho. A trilha descreve uma curva no sentido sudoeste-oeste, alcançando o topo da Serra da Contagem. Depois de cruzar uma tronqueira velha tem início uma longa descida, ora por trilha bem consolidada, ora por trechos sujos e discretos.

O trecho final é o que a trilha está mais suja, com muitos arbustos. Depois de atravessar a cerca de arame farpado há alguns bifurcações, mas todas as trilhas levam à estradinha de acesso à cachoeira do Bené. Na opção que fiz saí atrás de um container branco, que está lá há algum tempo.

Da estradinha são mais 3k até o Restaurante Coqueiros, onde finalizei a travessia com um belíssimo almoço, junto com o grupo que acampou na Grota.

OBSERVAÇÕES:
> Dificuldade moderada para iniciantes na atividade. Os principais pontos são as descidas com muitas pedras soltas, as subidas na cascalheira e os trechos com trilha discreta e suja.

> Esta trilha passa por ÁREAS PARTICULARES: SEJA DISCRETO, NÃO DEIXE LIXO, NÃO FAÇA FOGO, FECHE AS PORTEIRAS.

> Boa disponibilidade de água ao longo do primeiro dia. No período da estiagem é preciso ter atenção, pois algumas fontes podem secar. No segundo dia NÃO HÁ boa oferta de água. Saia da Grota abastecido.

> Sinal de telefone inconstante próximo à Cachoeira da Lagoa Dourada. Nas outras partes não foi checado. Operadora: VIVO.

> Rotas de fuga: não há rota consolidada, recomenda-se o retorno para São José da Serra ou a saída próximo ao Bené (localidade de Filipe).

> Poucos trechos sombreados ao longo da rota, chapéu e protetor solar são ítens obrigatórios.

> Recomenda-se o sentido proposto, tendo em vista que as subidas serão mais tranquilas.

> Essa rota pode se conectar com outras da mesma região: há trilhas para a região da Serra do Cipó; Córrego Fundo e Sete (Taquaruçu de Minas); e saída para Altamira (Nova União).

1 comment

  • Foto de Escoteirochico

    Escoteirochico 3/set/2019

    I have followed this trail  verificado  View more

    Uma trilha nota 10. Apesar de termos utilizado esta trilha a partir da Cachoeira da Grota até a Lagoa Dourada, no sentido contrário ( Ida e volta ), não tivemos problema nenhum e chegamos muito bem no nosso destino. Na volta da Lagoa Dourada, optamos por subir o Vale até quase no final e subir pela trilha da bocaina ( Como é chamada pela pessoas da região), Saindo novamente nesta trilha. Uma experiência fantástica e que faço questão de deixar os meus agradecimentos ao Hélio. Valeu demais e parabéns pelo trabalho.

You can or this trail