Horas  8 horas 8 minutos

Coordenadas 1869

Uploaded 8 de Outubro de 2019

Recorded Outubro 2019

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
2.598 m
854 m
0
2,5
5,0
9,97 km

Visualizado 84 vezes, baixado 6 vezes

próximo a Cordiñanes, Castilla y León (España)

FOTOS DESTA E DE OUTRAS TRILHAS EM ”CAMINHANTES"

ASCENSÃO À TORRE DE LA PALANCA PELA VIA NORMAL

A Torre de la Palanca (2610m) é um dos cumes mais significativos do Maciço Central, Los Urrieles, na Cordilheira Cantábrica. Em direção a nordeste, apresenta um imponente muro de caraterísticas muito particulares, inconfundível principalmente quando está coberto de neve. Ao sul, estende-se por uma crista eriçada que termina na Torre de Peñalba, sob a qual está o Collado Jermoso.

A partir do Refugio do Collado Jermoso, o percurso é muito curto e pode ser feito com tranquilidade em meio dia. O refugio do Collado Jermoso, é a base ideal para escaladas e ascensões no setor del Llambrión.

Em condições não invernais, trata-se de um cume fácil de alcançar pela sua via normal, a que atravessa as pedreiras da sua encosta ocidental.


Panorâmica do sector de Cerredo e Naranjo de Bulnes desde Torre de la Palanca

DESCRIÇÃO DO TRILHO

Iniciamos a nossa atividade em Cordiñanes. O caminho de Cordiñanes para Collado Jermoso está bem sinalizado com pontos de referência e marcas de tinta. Mesmo assim, se houver nevoeiro, é necessário tomar precauções para evitar possíveis erros.

Deixamos o carro no parque de Cordiñanes. Daqui, seguimos por um amplo caminho de terra por alguns metros, depois tomamos um trilho à direita que entra numa área de grandes rochas de calcário, sempre a subir em direção à La Rienda de Asotin. Parece impossível superar as falésias verticais de calcário que dão lugar ao canal de Asotin. Mas, como tantas vezes acontece, uma coisa é a aparência e outra é a realidade. O caminho segue, para passar sem problemas à vertente de Asotín, às vezes talhado na rocha, até chegar ao Hayedo de Asotín. Ao sair do bosque pode-se ver à direita a Torre Cantodota e à frente, os picos do Llambrión e do Friero. Continuando o caminho de pé posto alcançamos a Vega de Asotín aos 1380 metros.

Na Vega de Asotin o caminho bifurca-se, à esquerda o caminho segue em direção ao Collado Solano, em frente, outro caminho continua ao longo do Canal de Asotín, em direção a Vega de Liordes. Depois de uma breve pausa para o reforço, seguimos pela esquerda, uma ingreme subida leva-nos ao Collado Solano, onde contemplamos as magnificas panorâmicas. Continuamos ganhando altura pouco a pouco pela Travessia de Congosto, na base das encostas da Torre de Llaz e da Torre Jermosa. No final da travessia, alcançamos o Argayo Congosto, agora o caminho vira à esquerda e acompanha o seu curso, quase sempre à direita. Troço íngreme onde por vezes é necessário usar as mãos para trepar algumas rochas. Já na parte final atravessa-se o Argayo Congosto para a esquerda e segue-se em ziguezague até ao Collado Jermoso.

Fomos ao refugio deixar algumas coisas que não precisávamos de levar na ascensão à Torre de La Palanca. Aproveitamos para almoçar enquanto contemplávamos as magnificas panorâmicas envolventes. Depois de uma merecida pausa seguimos para o nosso objetivo da jornada a Torre de La Palanca (2610m). Desde o Refúgio de Collado Jermoso seguimos pelo caminho das Colladinas por meio quilómetro, onde encontramos um caminho que sobe à esquerda em direção a Tiro Callejo. Seguimos para noroeste, o caminho mariolado e com marcas de tinta amarela leva-nos a um primeiro ressalto fácil que tivemos de trepar.

Um pouco depois do ressalto, o caminho bifurca-se, à direita (marcado com tinta amarela) vai para Tiro Callejo, o da esquerda (marcado apenas com mariolas) segue a direção da Torre de La Palanca. Seguimos este último, mantendo a direção noroeste para nos aproximar das paredes da Torre Delgado Úbeda. Uma zona de pedreira desconfortável deixa-nos perto das paredes. Depois de superar um segundo ressalto (I), continuamos a subida junto às paredes, seguindo uma linha impressionante de rochas avermelhadas que nos levam para noroeste.

Perto da Torre Diego Mella, encontramos o terceiro ressalto (I+). Depois de ganhar alguns metros por uma estreita faixa, o caminho vira para a direita (este) para contornar o sopé oriental da Torre. Pouco nos resta até alcançar o Cume da Torre de La Palanca (2610m). As panorâmicas de 360º são simplesmente de cortar a respiração: Picos Dobresengos, Pico de los Cabrones, Torrecerredo, Torre Bermeja, Torre de Coello, Torre de la Párdida, Pico Urriellu, Peña Castil, Tesorero, Picos de Santa Ana, Peña Vieja, Torre Blanca, Torre Sin Nombre, Tiro Tirso, Torre de Llambrión, Torre Casiano Prado, Torre de Peñalba, Torre Delgado Úbeda, Torre Diego Mella e Torre del Friero.

O regresso ao Refúgio Collado Jermoso foi no sentido inverso do mesmo itinerário.

FICHA TÉCNICA
Realização: Outubro 2019
Percurso: Cordiñanes - Vega de Asotin - Collado Solano - Argayo Congosto - Collado Jermoso - Torre de La Palanca - Refúgio Collado Jermoso
Distancia: 10 km
Duração: 8h08min
Tempo em movimento: 4h11min
Tempo parado: 3h57min
Movimento médio: 2,38kms/h
Acumulado positivo: 2000m
Acumulado negativo: 810m




Se gosta das nossas trilhas adicione a sua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Waypoint

APARCAMENTO DE CORDIÑANES

Waypoint

DERECHA (PR-PNPE 16)

Waypoint

LA RIENDA DE ASOTIN

Waypoint

HAYEDO DE ASOTIN

Waypoint

VEGA DE ASOTIN

Waypoint

COLLADO SOLANO

Waypoint

TRAVESSIA DE CONGOSTO

Waypoint

ARGAYO CONGOSTO

Waypoint

REFUGIO COLLADO JERMOSO

Waypoint

IZQUIERDA (TIRO CALLEJO)

Waypoint

RESSALTO FÁCIL

Waypoint

RESSALTO (I)

Waypoint

RESSALTO (I+)

Waypoint

TORRE DE LA PALANCA (2610M)

2 comentários

  • Foto de Vitor Mesquita

    Vitor Mesquita 8/out/2019

    Bom trilho, para fazer certamente.

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 8/out/2019

    Olá Viktormmesquita!
    Sou um apreciador do meio envolvente do refúgio de Collado Jermoso... só por isso já vale o esforço, acrescenta-se neste trilho as magníficas panorâmicas do cume da Palanca.
    Obrigado pelo comentário e avaliação da trilha.
    Boas atividades!

You can or this trail