Horas  5 horas 2 minutos

Coordenadas 1803

Uploaded 15 de Janeiro de 2019

Recorded Janeiro 2019

-
-
589 m
193 m
0
2,9
5,8
11,53 km

Visualizado 163 vezes, baixado 12 vezes

próximo a Zambujal, Leiria (Portugal)

Partimos à descoberta dos testemunhos de antigos fundos marinhos, marcados nos estratos do Maciço de Porto de Mós, mais conhecido por Maciço Calcário Estremenho.

E são muitos os testemunhos de várias espécies fossilizadas de organismos marinhos e não só: amonites, braquiópodes, ouriços-do-mar, lírios e estrelas do mar. Também os sulcos feitos pelo vai e vem das ondas do mar ficaram gravados nestas lamas de calcário, assim como o rasto de diversos seres vivos.

Mas não foi apenas interessante ver (rever) estes testemunhos destas "praias" jurássicas que aqui se mostram a vários metros acima do nível do mar, elevadas pelo resultado dos movimentos da crosta terreste que tiveram origem da deriva dos continentes, mas também pelas paisagens, com destaque para o anfiteatro da Fórnea, pelas vistas desde o alto da Costa de Alvados, de onde se tem um olhar privilegiado para a escarpa do Castelejo e a depressão de Alvados, serpentear pelos labirintos formados pelos muros de pedra e os campos de pasto, caminhar pelos matos baixos compostos essencialmente por plantas aromáticas (alecrim, tomilho), pontos de interesse que, no seu conjunto, transformam este percurso num autentico despertar para todos os sentidos.

Nota: este percurso não está sinalizado se bem que, por breves momentos, se escontrem duas ou três marcas de pequena rota (vermelho e amarelo) do PR5-Castelejo, que não devem seguir, pelo que se recomenda gravar a trilha no GPS, caso pretendam realizar esta rota, recomendando-se iniciar no sentido anti-horário.

Comentários

    You can or this trail