Horas  um dia 8 horas 12 minutos

Coordenadas 3035

Uploaded 4 de Outubro de 2016

Recorded Setembro 2016

-
-
1.432 m
858 m
0
8,3
17
33,08 km

Visualizado 2421 vezes, baixado 135 vezes

próximo a São João da Chapada, Minas Gerais (Brazil)

A Travessia São João da Chapada a Diamantina - Via Biribiri e Serra dos Cristais - totaliza aproximadamente 33 km, com rota predominantemente no sentido norte-sul.

O relevo é o típico do Espinhaço, mas sabiamente a rota procura as junções de vales e campinas, resultando em uma rota com pouca variação na altimetria. Destaque para as Serra da Guiné nas proximidades de São João da Chapada; e para a Serra dos Cristais, entre Biribiri e Diamantina.

A vegetação predominante em toda a rota são os campos rupestres, cerrado e matas de galerias; muito embora apresente vegetação mais viçosa em alguns pontos úmidos e baixios.

Com alguns cursos d'água importantes, destacam o Rio Pinheiro com seu largo leito arenoso, um típico afluente do Jequitinhonha; além do Ribeirão das Pedras, afluente do Rio Pinheiro e que corre ao norte de Biribiri; além do Córrego dos Cristais, afluente do Ribeirão das Pedras que corre ao sul de Biribiri.

Como grande parte das trilhas em Minas Gerais, as origens da rota São João da Chapada à Diamantina remontam à época dos tropeiros, que cortavam a região vindo do norte de Minas para Diamantina.

A rota é um misto de estradinhas (30%) e trilhas (70%), podendo ser dividida em duas partes principais:
A primeira parte vai de São João da Chapada até a Vila de Biribiri, sendo o trecho inicial da Trilha do Algodão (ou final, conforme o sentido percorrido - Veja esta rota AQUI http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=13843504). O nome Trilha do Algodão refere à rota utilizada para transporte de mercadorias e matérias primas em tropas entre duas tecelagens existentes em Biribiri e em Santa Bárbara. A unidade de Biri-Biri fechou no início da década de 70; porém a unidade Tecelagem Santa Bárbara continua em funcionamento até os dias atuais. A segunda parte vai de Biribiri até Diamantina, uma rota atualmente pouco utilizada e que percorre a Serra dos Cristais, portanto dentro da área do Parque Estadual do Biribiri.

Como atrativos da rota, além da paisagem típica do Espinhaço, destacam-se as praias fluviais do Rio Pinheiro, os poços convidativos do Ribeirão das Pedras e a bela Cachoeira dos Cristais. Como conjunto histórico, o destaque vai para a Vila de Biribiri, com seu casario e antiga fábrica bem preservados. Já o Distrito de São João da Chapada, distante pouco mais de 30 km da sede de Diamantina é muito bonito, com antigas casinhas que parecem cenário de cinema. E para quem estiver com tempo torna-se imperdível uma visita ao Centro Histórico de Diamantina.

► Unidade de Conservação: A rota percorre áreas do Parque Estadual do Biribiri na sua parte sul. O Parque encontra-se em fase de implantação da sua infraestrutura. Portanto não há camping, praça de serviços ou centro de visitantes no Parque. Há sinalização nos atrativos principais. Em visita, recomendável avisar a Unidade sobre suas intenções.

► Trilhas e Trajeto: O trecho entre São João da Chapada e as proximidades do Rio Pinheiro dá-se predominantemente por trilhas; e um pequeno trecho por estradinha precária e antiga. O trecho entre o Bairro do Pinheiro e até a Cachoeira dos Cristais passando por Biribiri dá-se por estradinha local. O trecho final entre Biribiri e BR 367 nas proximidades de Diamantina dá-se exclusivamente por trilhas. Os trechos de trilha alternam alguns bastante discretos e outros mais marcados. Há trechos com vegetação beira trilha mais alta e em alguns pontos há trilhas que se cruzam, podendo ocasionar alguma confusão ao caminhante. Sob chuva forte ou intensa pode não ser possível realizar a rota, pois há riachos e ribeirões a serem cruzados.

► Logística de Acesso: Há ônibus que liga Diamantina à São João da Chapada, mas somente um horário diário, à tarde. A estrada entre Guinda e São João da Chapada é de terra. O final da Travessia pode ocorrer na BR 367 ou mesmo no Centro de Diamantina, bastando que o caminhante percorra um trecho da Trilha dos Escravos. Atente-se que esse trecho da Trilha dos Escravos percorre a periferia de Diamantina e infelizmente há relatos de furtos a caminhantes.

► Camping: não há camping pela rota. Não há camping em Biribiri; sendo proibido acampar nas imediações da Vila. Eventuais acampamentos são no estilo natural e somente devem ocorrer até o Rio Pinheiro e fora da área do Parque Estadual do Biribiri.

► Água: Há água pela rota da Travessia em vários pontos, não sendo necessário transportar grande quantidade diária. Use sempre purificador!

► Tempo de realização: Dois dias são suficientes para a realização da Travessia com calma e bom proveito dos atrativos. Para aqueles mais experientes e ágeis é possível percorrê-la em apenas 1 dia no modo speed.

► Segurança: É uma travessia que permite rotas de escape, sendo a principal na Vila de Biribiri, onde se poderá antecipar o retorno à Diamantina contratando serviço de táxi. Em São João da Chapada há sinal de telefonia móvel (Vivo). Em Biribiri não há sinal constante. Ao final da Travessia há sinal das principais operadoras.

► Exposição ao Sol: como é comum pelo Espinhaço, a trilha é exposta e há pouca sombra pela rota. Use protetor solar.

► Tarifas: não há cobrança para uso de trilha; nem camping, pois se ocorrer será ao estilo natural; tampouco cobrança de ingresso ou uso de trilha na área do Parque Estadual do Biribiri; ou na Vila de Biribiri, que pertence a iniciativa privada.

►► Importante: ao cruzar o Rio Pinheiro pela segunda vez procure caminhar alguns metros rio abaixo (são poucos metros) até visualizar o ponto de passagem no lado esquerdo. Quando fizemos a passagem escolhemos um ponto antigo e equivocado, obrigando-nos a varar mato. Marquei o ponto passagem na margem esquerda para facilitar: é só caminhar até em frente ao ponto e fazer a transposição.

► Carta Topográfica: Diamantina

Confira no link abaixo o Relato da nossa pernada. Isto poderá auxiliar numa melhor compreensão da rota.

View more external

EstradaBiriPorteira
CACHU
PORT
POCOSabaixo
BIRISEDE
CercaCasaFrente
CRISTAiscachu
ESTAcio
BIFURcrista
CORRODA
Direita
MiranteCachu
EstradaAntiga
BIRIEsquerda
CercaFimMorro
Br367
PINGaguaCASA
CercaPastoEsquerda
TrilhaEsquerda
TronqueiraJoao
AguaTRILA
RioPraia
IPE
SeguirRetoSul
PASSAGEM
Ventos
PASSAcristH2O
CASAbiri
SaoJoao
Agua
PLACA
ALTATensao
CRUZCemiterio
Capta��o
Curraldistante
AGUaJoao
CASebre
PORTAL
Mirante bonito
PORteira
Desloque
CASACachorros
Vicinal
H2OfrenteOutro
H2O Esquerda
POrteiraVelha
Cerca passebaixo
CasinhaDireita
DescansoFimSubida

10 comentários

  • Foto de PABLO GOMES

    PABLO GOMES 2/mai/2017

    Graande Chico, blz meu caro? Mais uma vez venho te pedir ajuda, vi o relato e como sempre bem informativo, pintou apenas uma dúvida quanto ao local, ou melhor local do camping!!! Valeu meu caro!!!

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 7/mai/2017

    Olá Pablo, td em paz?
    Toda a região do Rio Pinheiro é um ótima para pernoite.
    Mas para que se escolha por ali é bom levar em consideração o trecho a percorrer em eventual outro dia; mantendo uma certa proporcionalidade!
    Abraço e obrigado pelo contato!

  • Foto de Vinícius Miyazaki

    Vinícius Miyazaki 25/set/2017

    Oi, Chico! Blz?

    É possível ir até a cachoeira do Rio Pinheiro de bike? Estou pensando em deixar o carro no início da trilha e ir até lá de bike, acampar e no dia seguinte voltar e ir pra Diamantina de carro pra conhecer os atrativos do outro lado. O que acha disso? Vou estar viajando de carro e estou separando algumas coisas no caminho pra conhecer, mas uma travessia fica inviável por causa do carro e falta de ônibus pra retornar ao início.

    Abraço!

  • Foto de Hélio Jr

    Hélio Jr 26/set/2017

    Vinícius,
    fiz essa trilha com o Chico, não sei se ele vai ter uma visão diferente da minha..
    boa parte desse trecho que você citou é pedalável, se não me falha a memória você teria que carregar a bike em um trecho curto, de subida com muitas pedras. Já próximo ao rio Pinheiros são estradinhas velhas, tranquilo para MTB.
    Sobre a travessia, o trecho final, após a Cachoeira dos Cristais é ruim de pedalar, subida contínua e com muito cascalho. O ideal seria pegar o estradão para a portaria do Biribiri (você pode pensar em pegar umas trilhas que seguem em direção a Sopa e de lá o estradão para SJ da Chapada) ou a trilha que segue por cima da Cachoeira dos Cristais (sai na BR-367, pra lá da UFVJM, não sei as condições do caminho).

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 3/out/2017

    Fala Vinícius, bão?
    Como o meu amigo Hélio bem escreveu, ir na região do Rio Pinheiros é muito fácil, porque há uma estrada até lá desde Diamantina. Já que estará de carro e bike, a sugestão que te faço é ir de carro até Biribiri, de lá vc pode girar de bike até o Pinheiro; depois voltar, passar nos poços e ir na Cristais. Depois retorna à Diamantina de carro.
    Já pra São João, eu só recomendaria se quisesse seguir sentido Sempre Vivas.
    A dica de giro do Hélio é bastante interessante. Da Cristais sentido BR a trilha é irregular, com trechos mais garrados, mas não impossível!
    Um abraço

  • Foto de PABLO GOMES

    PABLO GOMES 10/fev/2019

    Mestre Chico, obrigado mais uma vez por compartilhar de seu conhecido conosco! Gratidão!

  • sergiokyosk 10/fev/2019

    Gratidão amigo valeu pelo conhecimento divido👏👏👏

  • Foto de saranubia

    saranubia 11/fev/2019

    Excelente descrição! Obrigada por compartilhar.👏👏👏

  • Foto de Carlos Pira

    Carlos Pira 16/fev/2019

    Chico, parabéns pela ótima descrição e muito obrigado por compartilhar o benefício de sua experiência. Gratidão.

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 22/fev/2019

    Muito grato Pablo, Sergio, Sara e Carlos.
    Bons ventos pra vcs, sempre!

You can or this trail