Horas  9 horas 57 minutos

Coordenadas 2259

Uploaded 24 de Junho de 2019

Recorded Junho 2019

-
-
1.426 m
423 m
0
4,6
9,3
18,55 km

Visualizado 202 vezes, baixado 18 vezes

próximo a Caín, Castilla y León (España)

FOTOS DESTA E DE OUTRAS TRILHAS EM ”CAMINHANTES"

RUTA CIRCULAR POR EL CORNIÓN DESDE CAÍN

Os Picos da Europa são um lugar muito especial para os “Caminhantes”. Este Parque Nacional, desde que o conheci, conquistou uma “paixão” no meu coração e desde então não me canso de lá voltar várias vezes ao ano com família, amigos e companheiros de aventuras. Esta expedição aos Picos leva-nos a mais um trekking em alta montanha, que intitulamos de “Ruta Circular por El Cornión desde Caín”.

1ºDIA: RUTA DE CAÍN A LAGO ENOL POR CANAL CULIEMBRO

O primeiro dia da “Ruta Circular por El Cornión” teve inicio em Caín e leva-nos até ao Refugio Casa de Pastores em Vega de Enol. É uma etapa longa e com um forte desnível, foram necessárias 10 horas para a percorrer e é fácil perder as marcas da GR-202 se não tivermos a ajuda do GPS. Por outro lado, o sinal de GPS perde-se facilmente na Senda de Cares e Canal Culiembro. A trilha foi editada nesses troços, pelo que os desníveis e o traçado não são exatos, no entanto nos referidos troços o caminho é evidente.

Começamos por seguir a Senda del Cares, percurso que liga as povoações de Caín, do lado de Léon, a Poncebos, do lado das Astúrias, e que distam cerca de 100kms por estrada, e aproximadamente 12Kms a pé. O percurso segue pelo desfiladeiro, também conhecido como "Garganta divina", onde o rio Cares corre serpenteando entre paredes verticais de centenas de metros de altitude. Nalguns locais, a largura do desfiladeiro tem pouco mais de 3 metros de largura. Ao longo do percurso, atravessámos as pontes metálicas de Los Rebecos e de Bolín que impressionam, não só pela altura, mas também por pensarmos como é que foram construídas naquele local onde nenhum veículo consegue chegar. O percurso inclui a travessia de algumas grutas escavadas na rocha calcária dos maciços, por forma a permitir a progressão e passagem dos operários que construíram o canal que existe ao longo do todo o percurso e que levava a água captada em Cain até Poncebos, onde existia uma antiga unidade energética.

Percorremos sensivelmente 5kms da Senda del Cares, chegamos à Majada de Culiembro, local de interseção com a GR-202 Ruta de La Reconquista, deixamos a Senda del Cares e viramos à esquerda para seguir o ingreme caminho de pé posto ao longo da Canal Culiembro, são aproximadamente 500 metros de desnível em pouco mais de 1500 metros. A progressão até à Majada de Ostón foi lenta devido ao forte desnível, mas francamente recompensada pelas panorâmicas sobre o maciço central que são magnificas apesar da neblina deste dia.

Já na Majada de Ostón fizemos uma breve pausa para o reforço da manhã, enquanto contemplávamos à nossa frente os Picos do Maciço Central com destaque para Torrecerredo e as vacas que pastavam na Vega de Ostón.


Panorâmica da Majada de Vega Maor

Continuamos pelo trilho, ainda ascendente, seguindo as marcas da GR-202 que nos leva até ao Collado de La Raya e daqui até à Majada de Vega Maor, amplo prado com algumas cabanas, a maior parte em ruinas, mas numa delas, ao que parece, no verão é habitada por um pastor que fabrica queijo de Gamonedo. Aqui não encontramos o dito pastor, mas sim dois burros que por lá pastavam livremente…

O caminho continua subindo progressivamente até ao Collado de Sierra Buena, ponto mais alto do trilho. Desde este ponto inicia-se a descida progressiva para a Majada de Arnaedo, também muito atrativa e com uma fonte onde podemos reabastecer de água. Procuramos seguir as marcas da GR-202 Ruta de La Reconquista, que com a neblina do dia nem sempre foi fácil… o GPS revelou-se uma grande ajuda.

Agora temos uma descida mais acentuada até encontrar um indicador da GR-202, seguimos pela direita em direção a “Comeya” e “Covadonga”. O trilho segue para Vega Las Mantegas, que atravessamos, o troço entre Vega Las Mantegas e Vega de Colmeya foi realizado sobre um caminho lamacento que exigiu muito cuidado na progressão para evitar as quedas.

Desde a Vega de Colmeya seguimos o PR PNPE que nos leva até Buferrera e daqui o PR PNPE 2 Lagos de Covadonga passando pelo Lago Enol em direção ao Refugio Casa de Pastores em Vega de Enol, local escolhido para a pernoita.

FICHA TÉCNICA DA ETAPA
Dia 21 de junho 2019
Percurso: Caín-Ruta del Cares-Canal Culiembro-Majada de Ostón-Majada Vega Maor-Collado Sierra Buena-Majada de Arnaedo-Vega Las Mantegas-Vega de Colmeya-Lago Enol-Refugio Casa de Pastores
Distancia: 18,5 km
Duração: 9h57min
Tempo em movimento: 5h46min
Tempo parado: 4h11min
Movimento médio: 3,20kms/h
Acumulado positivo: 2822m
Acumulado negativo: 2181m
Alojamento: Refugio Casa de Pastores Web. https://refugiovegadeenol.com/

TRILHA DAS ETAPAS
1ºDIA: RUTA DE CAÍN A LAGO ENOL POR CANAL CULIEMBRO
2º DIA: RUTA DE LAGO ENOL A CAÍN POR CANAL DE MESONES

TRILHA COMPLETA
RUTA CIRCULAR POR EL CORNIÓN DESDE CAÍN




Se gosta das nossas trilhas adicione a sua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Waypoint

CAÍN

Waypoint

RIO CARES (RUTA DEL CARES)

Waypoint

PUENTE DE LOS REBECOS

Waypoint

PUENTE BOLÍN

Waypoint

PASARELA DE LOS MARTINEZ

Waypoint

ENLACE GR202 (MAJADA CULIEMBRO)

Waypoint

CANAL CULIEMBRO

Waypoint

FUENTE

Waypoint

MAJADA DE OSTÓN

Waypoint

COLLADO DE LA RAYA

Waypoint

MAJADA DE VEGA MAOR

Waypoint

COLLADO DE SIERRA BUENA

Waypoint

MAJADA DE ARNAEDO

Waypoint

FUENTE

Waypoint

INDICADOR

Waypoint

VEGA LAS MANTEGAS

Waypoint

VEGA DE COMEYA

Waypoint

EL ESCALERU

Waypoint

LAGO ENOL

Waypoint

LOS ACEBOS

Waypoint

DESVIO REFUGIO

Waypoint

REFUGIO CASA DE PASTORES (VEGA DE ENOL)

Comentários

    You can or this trail