-
-
1.285 m
1.065 m
0
5,1
10
20,47 km

Visualizado 949 vezes, baixado 32 vezes

próximo a Silveira, Rio Grande do Sul (Brazil)

Um lugar incrível, de acesso fácil, embora esteja em propriedade particular (recomendo conseguir licença antes de acessar o canion).
Partindo de São Jose dos Ausentes, após 45 km de estrada de chão chegamos a este lugar ainda pouco explorado por aventureiros pois na estrada principal não há placa indicativa deste lugar (usamos gps).
A altitude máxima é de 1300m, o terreno é plano com poucos morros sendo estes de baixa altitude e a diferença de aclive é de pouco mais de 30metros e o mais dificel uns 80metros . O solo é campo com alguns trechos de turfa (banhado mesmo) o que requer um exercicio para encontrar ponto de passagem ou para dar a volta em torno de.
Para quem quer ver cascatas realmente altas este é o lugar, show mesmo! vale ficar 2 dias para conhecer bem todos os recantos e encantos que ainda temos antes que as matas de pinus (verdadeiras pragas) cheguem por lá.

5 comentários

  • Foto de alejandrojurie

    alejandrojurie 31/ago/2015

    Tu falas em licença! Tem onde conseguir isso? Tem alguma sede de fazenda por ali? Abraço

  • alcione 9/out/2016

    Lugar lindíssimo, deslumbrante a força da natureza. Dá para fazer belíssimos passeios por lá, estive e tivemos muita sorte, nada de neblina. Dá para ir de carro quase até a beira dos canions.

  • alcione 9/out/2016

    Apenas falamos com um dos moradores em uma fazenda próxima. Nada de licença. Nada de autorização, apenas a simpatia do povo daquela região.

  • Foto de gvogetta

    gvogetta 12/mar/2018

    Região lindíssima, mas a track postada tem um título um tanto incompleto. Na região do extremo a Oeste da tracklog, na verdade está no Cânion do Amola-Faca, onde há a cascata retratada numa das fotografias postadas. O Cânion do Realengo foi "arranhado" de leve. Rsrs. E ainda passaram a maior parte da caminhada longe das bordas da Serra (peraus) que é a parte mais bonita do trajeto. Abraço!

  • Foto de gvogetta

    gvogetta 21/ago/2018

    Ahh, e por favor pessoal: nada de andar de carro fora da estrada, ok? Chegar na borda dos cânions de carro detona os campos de turfas, causando erosão e marcando a paisagem de um jeito que leva anos a recuperar-se. Um faz isso hoje, faz outro amanhã, daqui a pouco todos vão querer fazer igual, daí acaba a beleza da região, que já tem bastante problemas.
    Botem o pé no chão e bora caminhar. Suja um pouco a roupa e molha os pés mesmo, mas faz parte do contato com a natureza. Afinal, se quer mordomia, fica no sofá de casa ou vá a algum shopping!

You can or this trail