-
-
173 m
2 m
0
1,8
3,5
7,07 km

Visualizado 1556 vezes, baixado 10 vezes

próximo a Mãe de Deus, Azores (Portugal)

Esta pequena rota tem início no edifício do Centro de Interpretação Dalberto Pombo onde está reunido um vasto espólio deste naturalista. Na descida pela artéria principal de Vila do Porto em direção ao Forte de São Brás, existem vários edifícios que recordam a história do povoamento desta ilha e dos Açores.
O Forte de São Brás, construção militar do século XVII, serve de miradouro de contemplação da baía do Calhau da Roupa e porto comercial da ilha, local desde sempre escolhido para trocas mercantis.
Pela esquerda do Forte de São Brás, siga por um caminho de acesso à Ribeira de São Francisco. Nesta ribeira e na sua foz, sobretudo no Outono/ Inverno, surgem aves de arribação como a Garça-real (Ardea Cinerea) Garça-branca-pequena (Egretta garzetta) Galeirão (Fulica atra) Maçarico-real (Numenius arquata).
A caminho da Pedreira do Campo contemple a vista sobre o Ilhéu da Vila, uma Reserva Natural de elevada importância para a nidificação de aves marinhas, como por exemplo a alma-negra (Bulweria bulwerii).
A Pedreira do Campo, classificada como Monumento Natural Regional é uma antiga frente de exploração de inertes. Aqui a presença de conteúdo fóssil marinho, abundante e diversificado numa altitude de 180 metros evidencia parte da história geológica da ilha e da regressão marinha, ocorrida há cerca de 5 milhões de anos.
O trilho segue por entre os pastos, em direção ao Touril, onde são dados a conhecer a Gruta e Forno de Cal do Figueiral, local propício a uma pequena paragem de contemplação e descanso, trata-se de uma gruta artificial, de onde se extraía calcário e argila.
Prossiga viagem ao longo da Costa Sul, por um caminho outrora utilizado para o transporte das pedras calcárias. Para além da agradável paisagem, poderá também observar flora natural como a Faia-da-terra (Morella faya) ou a Cabaçeira (Pericallis malvifolia) e espécies introduzidas como Incenso (Pittosporum undulatum); Babosa (Agave americana); Cato (Opuntia ficus-indica) e Murta (Myrtus communis).
Para além da fauna já enumerada, poderá observar o milhafre (Buteo buteo rothschildi), o Pombo-das-rochas (Columba livia), a Estrelinha (Regulus regulus sanctae mariae), a Caixinha ou Pisco-de-peito-ruivo (Erithacus rubecula), mas também poderá ser surpreendido por Coelhos-bravos (Oryctolagus cuniculus).
A sinalética guiá-lo-á à entrada de nova pastagem que leva o percurso à crista da encosta da Prainha, onde poderá optar pela descida ou prosseguir pelo caminho de pé-posto junto das grandes árvores de Metrosídero (Metrosideros excelsa) em direção à estrada regional que o leva para o miradouro da Macela.
A descida à Prainha, faz-se por entre mato misto, aproveite para descansar na areia clara da Prainha ou até mesmo fazer um mergulho nas suas límpidas águas. Ao prosseguir com a caminhada, junto ao Forte da Prainha, poderá optar por subir em direção ao miradouro da Macela ou seguir pela costa. Ambos os sentidos terminarão na Praia Formosa, sendo que a optar pela primeira hipótese, ao chegar ao miradouro da Macela, terá de continuar pela estrada regional.

“This small walk begins on the “Centro de Interpretação Dalberto Pombo” (Interpretative Center) building where there’s a vast estate from this naturalist. On the way down from the main road of Vila do Porto towards the Fortress od São Brás, there are several buildings that remind us the history of the settlement of this island and of the Azores.
The Fortress of São Brás, military building from the XVIIc. is used as a viewpoint to contemplate the bay of Calhau da Roupa and the commercial port of the island, place chosen since always for merchant trade.
On the left side of the Fortress of São Brás, follow a road that gives access to the Ribeira de São Francisco. In this brook and on its mouth, especially during the Fall/Winter, we can see birds of coming as the Heron Bird (Ardea Cinerea), small white Heron (Egretta garzetta), Coot (Fulica Atra), Curlew (Numenius Arquata).
On the way to the Pedreira do Campo, contemplate the islet of the Vila, a natural reserve of high importance for the nesting of sea birds as for example the bulwer (Bulweria bulwerii).
The Pedreira do Campo, classified as Natural Regional Monument is an ancient front of exploitation of inert. Here the presence of maritime fossil content, abundant and diversified at an altitude of 180m shows part of the geological history of the island and of the maritime regression, that took place about 5 millions years.
The walk goes through several pastures, towards Touril , where we can find the Cave (Gruta) and Forno de Cal do Figueira, propitious place for a quick stop for contemplation and rest, it’s an artificial cave, from where we would extract chalky and clay.
Continue this walk along the South Coast, by a road once used to carry chalky rocks. Besides the pleasant landscape, you may also observe natural flora as the Beech Plant (Morella Faya), or the Calabash(Pericallis malvifolia) and other species that were introduced as the Incense (Pittosporum undulatum); Aloe(Agave Americana); Cactus (Opuntia ficus-indica) and Myrtle (Myrtus communis).

Besides the fauna already mentioned, you can also see the Buzzard (Buteo buteo rothschildi), the rock pigeon (Columba livia), the Starlet bird (Regulus regulus sanctae mariae), the Robin redbreast bird (Erithacus rubecula), but also you might be surprides by Wild Rabbits(oryctolagus cuniculus).
The signs will guide you to the entrance of a new pasturage that will take you on a road to the peak of the Prainha Hill, where you can choose going down or continue by the road along the big trees of New Zealand Christmas Tree (Metrosideros Excelsea) towards the regional road that will take you to the viewpoint of Macela.
Going down to Prainha, you’ll do through a mixed wood, take a chance to rest on the white sand of Prainha or even dive in its clear waters. Continuing the walk, near the Fortress of Prainha, you can choose from going up towards the viewpoint of Nacela or continue along the coast. Both ways will end at Praia Formosa, being that if you choose the first option, arriving at the viewpoint of Macela, you’ll have to continue by the regional road.”

Comentários

    You can or this trail