Coordenadas 3062

Uploaded 19 de Janeiro de 2019

Recorded Janeiro 2019

-
-
806 m
315 m
0
4,4
8,9
17,7 km

Visualizado 264 vezes, baixado 18 vezes

próximo a Ermida, Braga (Portugal)

Percorrendo encostas da Serra do Gerês viradas a sul na freguesia de Vilar da Veiga, concelho de Terras de Bouro, este trilho tem condições para conquistar facilmente as preferências dos adeptos dos passeios a pé. Além de miradouros com vista para alguns dos picos do Gerês e para os vales dos Rios Cávado, Fafião e Arado, leva-nos a visitar a Cascata do Arado e alguns currais de vezeira que as gentes locais continuam a utilizar para criação de gado.
O início e final do trilho é na povoação de Ermida, que nos oferece um habitual cenário minhoto do casario rodeado dos campos de cultivo, pontuado por espigueiros.

Acrescentei quase 2,5 km de caminhada para uma visita à muito popular Cascata da Fecha das Barjas, muitas vezes designada por Cascatas do Tahiti... Esta descida até à zona onde o Rio Arado desagua no Rio Fafião não faz parte do trilho oficial e requer cuidados especiais para evitar quedas, mas vale bem a pena para quem é adepto destes cenários.
Lamentavelmente, toda a envolvente destas cascatas é vítima do turismo de massas, especialmente nos dias de verão...

Podemos encontrar a apresentação deste e de outros trilhos do concelho na página da Câmara Municipal de Terrras de Bouro, e de lá poderemos descarregar o folheto deste PR14 TBR.

Existe também um outro trilho, mais curto, que está estabelecido na mesma zona que este e que vemos designado como PR14 Alternativo. Partilha alguns troços com este, nomeadamente os primeiros 100 m e depois entre os km 16,8 e 17,2 e entre os km 17,3 e 17,7 (o final do percurso). Felizmente, há placas a informar-nos devidamente sobre qual o caminho correcto de cada um deles.

O trilho desenrola-se dentro dos limites do Parque Nacional Peneda-Gerês. Uma vez que entra dentro da "Área de Protecção Parcial Tipo II" (entre os km 8,0 e 10,5) temos que respeitar algumas restrições de circulação e solicitar autorização ao ICNF por escrito ou por email (pnpg@icnf.pt) para grupos com mais de 15 pessoas.

O trilho está sinalizado, com as marcações a serem suficientes para a orientação.
Não encontrei obstáculos a ultrapassar. O traçado segue por caminhos da povoação da Ermida e por estradas florestais, sem qualquer exigência técnica.
A cobertura florestal existe ao longo de algumas partes do percurso, pelo que a exposição solar é relativamente moderada.
Assim, considero a Dificuldade Técnica como "Fácil".
O desnível acumulado coloca-nos alguma exigência física.


Boas Caminhadas!

1 comment

  • mtantawi 7/jul/2019

    Hey. Awesome trail, thanks for sharing it! I was wondering how much time it took in total or moving and still time?

You can or this trail