Hora  3 horas 15 minutos

Coordenadas 1014

Enviada em 31 de Dezembro de 2019

Registrada em Dezembro 2019

  • Avaliação

     
  • Informações

     
  • Fácil de fazer

     
  • Paisagem

     
-
-
417 m
185 m
0
1,9
3,8
7,6 km

Visualizado 2093 vezes, baixado 105 vezes

perto de Adufe, Porto (Portugal)

- Trilho circular, com marcações, com início e fim no parque de lazer do Carvalhal de Valinhas;
- Decorre ao longo do vale do rio Leça, pelas suas margens, no sopé do Monte Córdova e pelas encostas do Monte Padrão, no concelho de Santo Tirso;
- Este percurso coincide com partes dos PR2 STS - Padrão, PR3 STS - Rio Leça e PR6 STS - Vale do Leça;
- Misto de caminhos rurais, estradão de terra e trilhos de pé posto;
- Trilho com características difíceis no troço que acompanha as Quedas de Água de Fervença, pois o acentuado declive, a humidade do local e a pedra polida tornam esta parte do percurso bastante perigosa, pelo que requer atenção redobrada e destreza técnica para evitar quedas fatais;
- A paisagem é diversificada e nem sempre muito interessante, pois trata-se de uma zona bastante urbanizada. No entanto, esta zona ainda conserva vestígios rurais, associados ao património natural e arqueológico do rio Leça, que a tornam muito interessante. E as Quedas de Água de Fervença são, sem dúvida, soberbas!!!


__________________________________________________________________________________________


- PR1 STS - HISTÓRICO PRÉ-INDUSTRIAL
Tipo de percurso: Circular de pequena rota
Extensão e Duração: 7,10 Km – 3 a 4 Horas
Grau de Dificuldade: Algo difícil - Nível 3 de 5
Âmbito do percurso: Histórico, ambiental, paisagístico, cultural e desportivo
Época aconselhada: Todo o ano
Localização: Carvalhal de Valinhas; Pereiras; Castro do Monte Padrão.
Pontos de Partida / Chegada: Carvalhal de Valinhas; Pereiras; Monte Padrão.
Pontos de Interesse: Serra Hidráulica de Pereiras; Azenhas de Valinhas; Quedas de Fervença; Castro do Monte Padrão; Rio Leça.
Descrição geral: Percurso circular com partida e chegada num dos seguintes pontos: Carvalhal de Valinhas; Pereiras; Capela do Monte Padrão. Este percurso entronca com o “PR 2 ST – Padrão” junto da Quinta de Linhares.


SANTO TIRSO
Santo Tirso foi o nome atribuído ao mosteiro fundado ou reedificado, no século X, pelos monges beneditinos na localidade de Moreira de Riba de Ave, sob patrocínio de Aboaçar Ramires, filho bastardo do rei Ramiro II. O uso do termo "Mosteiro de Santo Tirso", rapidamente substituiu o nome da localidade "Moreira de Riba de Ave". Trata-se assim de um hagiotopónimo. De 978 até 1834 constituiu um couto cuja sede era o Mosteiro de Santo Tirso, possuíndo propriedades por todo o Entre Douro e Minho. De 1836 até 1998 o actual concelho da Trofa esteve integrado no de Santo Tirso, que era, por isso, um dos 20 mais populosos do país. A cidade de Santo Tirso foi o berço da industrialização do têxtil em Portugal. A fábrica Fiação e Tecidos Rio Vizela, fundada em 1845, nas freguesias de Vila das Aves e São Tomé de Negrelos, foi a primeira unidade do ramo no país, chegando também a ser maior fábrica portuguesa. Santo Tirso está centrado entre Braga, Guimarães, Póvoa de Varzim, Vila do Conde e Porto, que distam todas cerca de 20 km.
Monumento

Azenhas de Valinhas

Com vista a aproveitar a energia da água para moagem dos cereais, para a serração e também para o apisoamento de tecidos, foram-se estabelecendo ao longo dos vários afluentes do Rio Leça moinhos e azenhas. As azenhas de Valinhas possuem um grande valor para compreensão das pequenas atividades económicas de subsistência a nível local.
Local religioso

Capela do Senhor do Padrão

Pequena capela setecentista localizada no Monte Padrão, onde se conserva uma imagem em granito policromado de Cristo Crucificado. Reza a lenda que esta capela marca o lugar onde esteve implantada a antiga igreja e mosteiro beneditino de Monte Padrão.
Panorama

Panorâmica de Santo Tirso

Monumento

Castro do Monte Padrão

O Monte Padrão situa-se na margem esquerda do Rio Ave, na Freguesia de Monte Córdova, a poucos quilómetros a Sudeste da Cidade de Santo Tirso. Classificado como Monumento Nacional desde de 1922, o Castro do Monte Padrão foi escavado a primeira vez na década de cinquenta e assumiu, desde então, uma extraordinária importância científica para o estudo do passado longínquo da região. Em 1986, a Câmara Municipal de Santo Tirso e o Serviço Nacional de Arqueologia da Zona Norte, iniciaram um conjunto de ações em vista à proteção, estudo e valorização desta estação arqueológica. A mais antiga ocupação registada no Monte Padrão reporta-se ao Bronze Final, período cronológico, a que genericamente corresponde o período de formação da “Cultura Castreja”.
Museu

Centro Interpretativo do Monte Padrão

Monumento

Serra Hidráulica de Pereiras

A Serra Hidráulica de Pereiras é um notável exemplo da arquitetura pré-industrial. Dedicada à serração de madeira para uso industrial e doméstico, recorria à força da água para mover o engenho de serrar. Classificada como Imóvel de Interesse Público, irá ser reabilitada, tornando-se um pólo museológico das atividades pré-industriais do Concelho de Santo Tirso.
Ponte

Ponte sobre o rio Leça

Rio

Rio Leça

O rio Leça nasce no Concelho de Santo Tirso, serpenteando pelas freguesias da parte Sul do Concelho, e correndo para o Atlântico, onde desagua junto à cidade de Matosinhos. Ao longo deste rio de águas límpidas, no seu percurso de montanha podemos observar uma multiplicidade de fauna e flora que coabitam nas suas margens. O Homem desde cedo que o utilizou, podendo encontrar-se vários moinhos e azenhas ao longo do seu percurso distribuídos pelas terras que este rio percorre.
Queda d'água

Quedas de Água de Fervença

Lugar pitoresco localizado junto ao Carvalhal de Valinhas, onde as quedas de água apresentam um espetáculo magnífico da Natureza, correndo o Rio Leça célere até estas quedas.
Ponte

Ponte de madeira

Local religioso

Ermida da Senhora de Valinhas

No interior da capela de Nossa Senhora de Valinhas pode-se admirar a imagem de Nossa Senhora da Misericórdia, em madeira dourada e ainda a sala de oração com cobertura de madeira. Esta pequena capela, que foi recentemente recuperada, remonta pelo menos ao séc XVIII, tendo no início do séc XIX o grande escritor Alberto Pimentel descrito a famosa romaria que todos os anos, a 8 de Setembro, se realiza neste lugar.
Piquenique

Parque de Lazer Carvalhal de Valinhas

Localizado na freguesia de Monte Córdova, o Parque de Lazer de Nossa Senhora de Valinhas é um local aprazível de encontro e estadia. É um espaço onde predominam espécies arbóreas do género Quercus, nomeadamente Quercus robur – carvalho alvarinho e Quercus suber – sobreiro. É um povoamento florestal no qual se inclui um carvalho alvarinho classificado de interesse público. Realiza-se anualmente neste local a romaria da Senhora de Valinhas, que é uma das mais concorridas dos arredores.

12 comentários

  • Foto de MCosta000

    MCosta000 11/mai/2020

    Eu fiz esta trilha  verificado  Ver mais

    Trilho muito bonito, a parte em que se desce junto às quedas de água é de alguma dificuldade técnica.

  • Foto de João Marques Fernandes (CSM)

    João Marques Fernandes (CSM) 11/mai/2020

    Obrigado, MCosta000, pelo comentário e avaliação. Com efeito, tal como refiro, o percurso junto às Quedas de Água de Fervença requer cuidados redobrados. Pessoalmente aconselho a fazer este troço no sentido ascendente. No sentido contrário (tal como eu fiz), esta zona junto ao rio torna-se perigosa, susceptível de quedas devido ao piso escorregadio (areão e pedra molhada). Mas na totalidade é, sem dúvida, um trilho muito bonito e diverso. Continuação de boas caminhadas!!

  • Foto de raquelnogueira.as

    raquelnogueira.as 16/jun/2020

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Trilho muito bem marcado. A descida até às cascatas é algo complicada com caminho sinuoso com imensos penedos. Trilho muito bonito o caminho todo.

  • Foto de João Marques Fernandes (CSM)

    João Marques Fernandes (CSM) 16/jun/2020

    Obrigado, Raquel, pelo comentário e avaliação do trilho. É de facto um trilho muito interessante, ainda que junto às Quedas de Fervença seja necessário bastante cautela para evitar acidentes. Pessoalmente, considero que subir as Quedas seja mais seguro, ainda que fisiamente mais exigente. De qualquer das formas, é uma zona obrigatória de ser visitada. E o Castro do Monte Padrão, repleto de história e memórias ancestrais, é o complemento perfeito para este percurso na natureza. Continuação de boas caminhadas!!

  • fbrandao15 4/jul/2020

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Bom trilho circular com apenas uma parte junto ás quedas de água de fervença que exige mais cuidado e é mais dificil dependendo se for feito no sentido a subir.
    De resto 5 estrelas, boas marcações e boas vistas.
    Recomendo fazer o trilho no sentido em que se desce as quedas de água pois já se encontrarão perto do final e dependendo do tempo poderão dar uns mergulhos!

  • Foto de João Marques Fernandes (CSM)

    João Marques Fernandes (CSM) 6/jul/2020

    Obrigado, fbrandao15, pelo comentário e avaliação do trilho.
    Continuação de boas caminhadas!!

  • Foto de Bermuda Rover

    Bermuda Rover 5/set/2020

    We completed this trail today. This is the second of João's trails that we have followed, and we have downloaded others to do in future. He does a wonderful job of documenting his trails and providing background information!

    We are both in our 60's and we completed the trail in 3.5 hours (including a stop for a picnic lunch by Pereira's saw mill).

    We particularly enjoyed the historical sites along the trail, especially the Castro do Monte Padrão that dates back to the 9th century BC. The area around the Leça River was beautiful. As noted in the description, the steep rocky slopes near the waterfalls require extra caution.

    As we were doing this hike in early September, water flow was low, so the waterfalls were only trickling. We may return in the winter when they are in full flow.

    Thanks again João

    I have posted a full report with photographs at https://bermudarover.wordpress.com/2020/09/04/pr1-sts-historical-hike/

  • Foto de João Marques Fernandes (CSM)

    João Marques Fernandes (CSM) 5/set/2020

    Dear Craig, thank you very much for the comment and evaluation of the trail!

    It is undoubtedly a great pleasure to see that the sharing I made was effective and provided good times for other nature-loving hikers. I am very grateful for the compliment you gave me. But knowing that the description of a trail that I did was useful and helped others to walk the same trail safely and with satisfaction, is priceless!

    Once again, thank you very much for your kind and motivating words. I hope that the descriptions of my trails continue to provide you with good journeys in nature.

    I would also like to thank you for the excellent BermudaRover.com website. Magnificent work with excellent documentary photographs. Congratulations!
    Continuation of excellent walks !!

  • Foto de Filipee25

    Filipee25 20/set/2020

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Mais uma trilha completa num sábado de manhã, paisagens muito agradáveis e um trilho fácil de se fazer, muitos cursos de água. Achei um percurso muito divertido de se fazer por ter a possibilidade (se optar) de fazer pequenos desafios como atravessar um curso de água através de um tronco, descida de pequenas quedas de água deslizando pela rocha, e travessias de pequenos ribeiros através de pequenas tábuas, claro que tem a possibilidade de fazer tudo isso através de locais próprios com a segurança necessária mas achei divertido a oportunidade e proporcionou momentos de grandes risadas 😁 Percurso relativamente pequeno mas muito agradável, obrigado pela partilha 👍🏻

  • Foto de João Marques Fernandes (CSM)

    João Marques Fernandes (CSM) 21/set/2020

    Obrigado, Filipe, pelo comentário e avaliação do trilho!
    Fico satisfeito pela partilha lhe ter proporcionado bons e divertidos momentos.
    Continuação de boas caminhadas!!!

  • Foto de FilipeMartins1970

    FilipeMartins1970 11/out/2020

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Muito bonita, faz-se numa manhã. Vistas impressionantes do Monte Padrão, e bonito o caminho pela margem do Rio Leça. Em tempo húmido/chuva, a subida/descida da cascata pode ser escorregadia. Obrigado ao autor!

  • Foto de João Marques Fernandes (CSM)

    João Marques Fernandes (CSM) 12/out/2020

    Obrigado, Filipe Martins, pelo comentário e avaliação do trilho.
    É, sem dúvida, um percurso muito interessante.
    Continuação de boas caminhadas!!

Você pode ou esta trilha