Baixar

Distância

15,48 km

Desnível positivo

1.494 m

Dificuldade técnica

Só para experientes

Desnível negativo

988 m

Elevação máx

2.161 m

Trailrank

57

Elevação min

1.096 m

Tipo de trilha

Mão Única

Tempo em movimento

6 horas 26 minutos

Hora

9 horas um minuto

Coordenadas

2725

Enviada em

26 de maio de 2019

Registrada em

maio 2019
Compartilhar
-
-
2.161 m
1.096 m
15,48 km

Visualizado 200 vezes, baixado 21 vezes

perto de Calembe, Rio de Janeiro (Brazil)

Chegamos ao parque em torno de 7:30 hs, já com os ingressos comprados. Apenas duas pessoas com mais de 60 anos não tinham os ingressos, pois tinham direito à gratuidade. Começamos a caminhar em torno de 8:00 hs. A subida é forte, num toca prá cima constante, com ascensão de mais de 1000 m, parte sob as árvores, uma boa parte sob sol. Nossa sorte é que havia um vento e as nuvens ficavam dançando no céu, o que aliviava o calor.
Nossa primeira parada foi no Morro do Queijo, alguns (vários) metros depois da Pedra do Queijo. Dez minutos prá juntar o grupo e tocar para o Ajax, onde fizemos uma parada para encher nossas garrafas de água. A dica é aliviar o peso levando menos água possível.
Do Ajax começamos a subir a Isabeloca, com o vento apertando e a névoa descendo. Nova parada para juntar o grupo no final da Isabeloca, visto que a névoa estava forte, e seguir rumo ao Açu. Chegamos no abrigo por volta de 12:15 hs. Parada rápida para banheiro, lanche e encher as garrafas de água.
Partimos para subir o Morro do Marco e dali descer para os Portais de Hércules. Há de se prestar atenção para o desvio, junto à trilha Petro-Tere, que não é tão óbvia. Entrando na trilha dos Portais, diversos totens guiam o caminho. O vento forte levou a névoa e o tempo foi se abrindo.
Chegando aos Portais, fomos agraciados com uma vista deslumbrante. As nuvens estavam no fundo do vale e as montanhas se sobressaindo. Pudemos vislumbrar o Coroa de Frade, a pontinha do Escalavrado, Dedo de Deus, Cabeça de Peixe, Agulha do Diabo, Garrafão, Santo Antônio em primeiro plano e Três Picos ao fundo. Deslumbrante!!
Pegamos o caminho de volta, e quando estávamos no Morro do Queijo fomos agraciados por um pôr do sol incrível.
Chegamos na portaria às 18:30 hs cravado, muito cansados, mas com lembranças incríveis das belíssimas paisagens que fazem a vida valer muito a pena.
Foto

Ajax

Ponto de água e início da Isabeloca
Foto

Açu

Vista da Pedra do Açu
Foto

Abrigo do Açu

Foto

Entrada Portais

Foto

Portais de Hércules

Foto

Foto

Foto

Foto

Foto

Morro do queijo

O sol se pondo no Morro do Queijo

1 comentário

  • Foto de flávio Medeiros

    flávio Medeiros 15 de out de 2019

    Esse bate e volta é extenuante porém muito gratificante , parabéns !

Você pode ou esta trilha