Horas  5 horas 36 minutos

Coordenadas 2384

Uploaded 26 de Novembro de 2016

Recorded Outubro 2016

-
-
136 m
-6 m
0
5,9
12
23,71 km

Visualizado 1442 vezes, baixado 110 vezes

próximo a Pontevedra, Galicia (España)

VALENÇA - SANTIAGO | Outubro 2016

Vídeo da Viagem

1. Valença - O Porriño
2. O Porriño - Pontevedra
3. Pontevedra - Caldas de Reis
4. Caldas de Reis - Padrón
5. Padrón - Santiago de Compostela (com o novo percurso criado em finais de 2015, desde o O Milladoiro.)


Há pessoas que dizem que este percurso não é bonito.

Para mim, é dos mais interessantes do Caminho Português, desde Valença. Por que razão? Encontramos caminhos calmos, silenciosos, de terra batida, com videiras.

Cumpri um desejo que tinha (desde a minha primeira viagem em 2014): ir na altura das vindimas. É espetacular ir no caminho a comer uvas, castanhas (que não gosto), maçãs e figos. Existe de tudo ao longo deste caminho. É dos troços em que mais árvore de fruto podemos encontrar. Logo, podemos ir a comer (de forma saudável), ao mesmo tempo que se conversa e caminha.

MUITO INTERESSANTE!

É também um percurso que gosto bastante, desde o km 6,5 até ao final. Bosques bonitos. Silenciosos. Com a Pousada do Peregrino (local quase de culto pois é dos raros cafés que encontramos até metade do caminho), com o Cruzeiro de Amonisa, com diversas ramadas pelo caminho, passando por Briallos (onde há um albergue) até chegar a Caldas de Reis.

Chegamos ao albergue de Caldas de Reis às 12h. Só abria às 12h30. Deixamos as mochilas com os responsáveis do albergue e fomos fazer compras para o almoço, lanche, jantar e pequeno almoço do dia seguinte. Chegamos na hora da feira, pelo que compramos frescos. Mas nada que se compare com a sorte que tivemos na etapa seguinte - em Padrón - com a compra de sardinha pequena (espetacular) e pimentos padrón no mercado local.

Depois da etapa de O Porriño até Pontevedra (bonita, mas extensa e dura), esta etapa fez-se na perfeição. Sem quaisquer problemas. Aliás, mal deu para aquecer.

Em Caldas de Reis, aproveitamos para conhecer a zona e para ir até às cascatas (que ficam a cerca de 2 a 3 km de distância). Ou seja, mais 5 a 6km a andar! Valeu a pena. Um local que faz lembrar certas zonas do gerês, especialmente da Mata de Albergaria e suas lagoas.

View more external

Comentários

    You can or this trail