Horas  um dia 23 horas 18 minutos

Coordenadas 4396

Uploaded 5 de Janeiro de 2016

Recorded Dezembro 2015

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
580 m
-12 m
0
8,2
16
32,99 km

Visualizado 13824 vezes, baixado 387 vezes

próximo a Parati Mirim, Rio de Janeiro (Brazil)

Rota Tradicional com início no Pouso da Cajaíba e término em Laranjeiras-Oratório. Contempla ida à Cachoeira do Saco Bravo, cujo início se dá na Praia de Ponta Negra. O trecho entre Martin de Sá e Cairuçu segue pelo Costão, que é uma rota mais tranquila que aquela que segue mais à oeste e que tem um desnível maior.

É uma rota clássica do montanhismo brasileiro, portanto, indispensável. No modo tradicional, a Travessia é feita em 3 dias e permite curtição das várias praias do costão, além de possibilitar uma caminhada tranquila e sem correrias.

Para iniciar a Travessia é necessário percorrer a Baia de Paraty através de barco, partindo do Cais de Parati (ou das marinas da região); ou então, partindo do distrito de Parati Mirim e cruzando a entrada do Saco de Mamanguá. Dependendo do local de partida e do tipo de barco utilizado, a viagem pode durar de 30 minutos a até 2h30.

Assim, devido a viagem inicial de barco, caminha-se pouco no primeiro dia, indo da Praia do Pouso da Cajaíba à Praia de Martin de Sá. É um trecho tranquilo, com um leve aclive e declive, com trilha bem marcada e em sua maioria sombreada. Em Martin de Sá há o Camping do Seu Maneco, que comercializa PF e café da manhã.

O segundo dia vai da Praia de Martin de Sá até a Praia de Ponta Negra. É o trecho mais extenso e considerado o mais extenuante da Travessia, pois há um desnível de aproximadamente 560 metros do Morro da Berta e caminha-se longo trecho entre mata atlântica, onde o calor e a umidade são sufocantes. Além disso, há algumas bifurcações pela trilha que requer atenção. Um recanto especial do segundo dia é a Praia do Cairuçu das Pedras, que é pequena mas belíssima. Juntamente ao Cairuçu há o pequeno camping do Seu Aprígio, que é irmão do Seu Maneco de Martin de Sá. Em Ponta Negra há alguns bares e restaurantes, bem como alguns camping. Eu gosto e recomendo o Camping do Ismael, que é pequeno e mais tranquilo.

Já o terceiro e último dia vai da Praia da Ponta Negra até a Vila do Oratório. É um trecho tranquilo e bem marcado, alternando leves aclives e declives. De rara beleza, inicialmente percorre as praias desertas de Antiguinhos, Antigos e a conhecida Praia do Sono, que possui infra de bares, restaurantes e camping diversos. Após a Praia do Sono e já na reta final, é um misto de trilha com degraus e até corrimãos e depois uma estradinha até Laranjeiras-Oratório.

Já a ida à Cachoeira do Saco Bravo é feita sob trilha bem marcada entre mata por 90% do trecho. Logo no início há um grande aclive, seguido por outros aclives e declives menores. A Cachoeira não é grande, porém a sua localização é pitoresca, com quedas que morrem diretamente no Atlântico. São 3 quedas, sendo que após a do meio forma-se um bom poço no estilo borda infinita. É um lugar que vale visitar. Pouco antes de chegar na Saco Bravo, observe à sua esquerda: verá entre matas uma bonita queda no mesmo curso da Saco Bravo, em especial no verão quando o volume de água é maior.

Importante: Não há nenhum trecho técnico pelo trajeto e as trilhas são bem marcadas e atualmente bem sinalizadas. Porém, o fator que torna essa pernada mais exigente é a umidade elevada. Isto suga as forças ao extremo!
Recomendo a leitura de relatos do trecho no Blog Chico Trekking para melhor compreensão do trajeto.

View more external

Waypoint

H2O Pode Secar no Inverno

H2OpodeSecarInverno
Waypoint

H2O

H2O posmartin
Waypoint

Casa - Passar rente - Esquerda Entrada principal

Casa - passar rente
Waypoint

Laranjeiras - Oratório

Laranjeiras Fim
Waypoint

H2O subida da Berta - No inverno, abasteça

H2O subida Berta
Waypoint

H2O Pode Secar no Inverno

H2OPodeSecarInverno
Waypoint

Toca da Onça

TocaOn$a
Waypoint

Casebre

casebre
Waypoint

Camping do Ismael

IsmaelCamping
Waypoint

H2O Pode Secar no Inverno

H2OPodeSecarInverno
Waypoint

Bambuzal

Waypoint

Cachoeira do Saco Bravo

Saco Bravo
Waypoint

Praia de Galhetas

Galhetas
Waypoint

Praia de Ponta Negra

Ponta Negra
Waypoint

Ponto Final Van do Condomínio Laranjeiras

FinalVanCondominio
Waypoint

Praia do Sono

PraiaSono
Waypoint

Praia do Pouso da Cajaíba

Pouso Caja$ba
Waypoint

Bifurcação Praia da Sumaca

Bifur Sumaca
Waypoint

Camping Seu Maneco e Praia de Martin de Sá

Martin de S$
Waypoint

Praia do Cairuçu

Cairu$u
Waypoint

Praia dos Antigos

PraiaAntigos
Waypoint

Alto da Berta

Alto Berta
Waypoint

Praia de Antiguinhos

antiguinhos

16 comentários

  • Foto de Mateusrezende

    Mateusrezende 8/jan/2016

    Cada dia mais completo seus tracks. Obrigado meu amigo.

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 8/jan/2016

    O Mateus, que bom vê-lo por aqui.
    A gente se esforça, mesmo que a rota não seja novidade, não é mesmo?
    Eu quem agradeço e fico torcendo pra que você descarregue aquelas suas centenas de rotas aí pra gente ok? Eheheheh
    Abração

  • Foto de PABLO GOMES

    PABLO GOMES 31/out/2018

    Mais uma vez Chico venho agradecer por suas orientações e, compartilhamento de seu conhecimento!
    Referência do Trekking e montanhismo nacional!! Muito obg! tmj!

  • digão_ 31/jan/2019

    I have followed this trail  verificado  View more

    gps muito bem feito e rico em informações. fiz apenas a seção da vila oratório até a cachoeira do saco bravo. considero que seja difícil pelas subidas e descidas fortes do saco bravo, da vila oratório até ponta negra é bem tranquilo. lugares simplesmente maravilhosos! valeu, chico!

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 1/fev/2019

    AôÔ Digão,
    Muito grato pelo feedback meu caro.
    Essa é uma região linda, surpreendente a cada curva!
    Tudo de bom e belo pra Ti, abraços!

  • Foto de Leonardo Bispo

    Leonardo Bispo 25/fev/2019

    Bom dia,
    vou fazer essa travessia no próximo carnaval, no modo mais simples e sem a cachoeira do saco bravo , a principio.

    É muito perigoso ir sozinho? Tenho costume, a parte física e de orientação não me preocupa, a questão são possíveis animais...

    Valeu

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 26/fev/2019

    Oi Leonardo,
    Desconheço qualquer relato de ataque de animais selvagens a pessoas nessa rota da Travessia da Ponta da Juatinga. Quanto a isso pode ficar tranquilo!
    Muitos falam de onça e tal... Rapaz, se você ver uma onça sinta-se privilegiado, é muito raro isto eheheh... São animais com hábitos noturnos, a última coisa que querem é caçar gente eheheh
    A atenção que nunca será demais é em relação a serpentes: há cobras na ponta da Juatinga, em especial jararacas. Já vi muitas; é ambiente delas. Esteja sempre atento, principalmente quando for sentar pra descansar ou ao colocar as mãos em algum ponto. Use bastão de caminhada, é sempre útil!
    NO mais boa sorte, dará tudo certo. Conte depois como foi ok?
    Abraços

  • Foto de Leonardo Bispo

    Leonardo Bispo 26/fev/2019

    Valeu..
    Mas meu grande receio são as serpentes mesmo. Podem estar camufladas e como vou sozinho o barulho e a vibração do terreno é menor. E sozinho não terei socorro.
    Mas irei, minha turma não quer fazer a travessia, eles vão ficar na praia do Sono descansando.
    Conto sim, usarei seu track , sempre são muito bons.
    Obrigado

  • Foto de Leonardo Bispo

    Leonardo Bispo 6/mar/2019

    I have followed this trail  View more

    Em dois pontos o trajeto mudou um pouco por conta da vegetação, mas nada que atrapalhe pois fica muito nítido, e logo em frente as trilhas se juntam. Fiz sozinho e segui esse track, tudo deu certo. Obrigado Francisco Chico Trekking...

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 12/mar/2019

    Ei Leo,
    Que bom ter notícias e saber que correu tudo bem. Espero tenha curtido a pernada; creio eu muito mais que a galera que permaneceu somente no Sono. A Juatinga vale a visita.
    E sim, com o passar do tempo algumas pequenas modificações podem ocorrer, mas não desviar tanto. Por isso o seu retorno é importante, mostrando que a marcação ainda tem serventia. Muito grato por tudo, abraços

  • Foto de leonardokanzawa

    leonardokanzawa 18/set/2019

    Olá pessoal, voces acham tranquilo fazer utilizar uma rede c/ mosquiteiro para pernoitar ou é necessário uma barraca? Pelo que li no blog do chico também há opcoes de locação de quartos, correto? Pergunto para viajar leve. Valeu!

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 19/set/2019

    Oi Leonardo,
    Indo realizar a rota Tradicional vc conseguirá fazer com redes.
    Na praia de Martin de Sá (Seu Maneco) vc terá pontos de ancoragem nas muitas árvores pela área de acampamento. Seu Maneco tem tb uns quartinhos para locação. Mas as vagas são poucas (mas isso num será problema: vc terá a rede).
    Já em Ponta Negra talvez tenha dificuldades em encontrar pontos de ancoragem de rede dentro da vila; uma vez que vc não poderá ficar em qualquer lugar.
    Mas fora da vila achará sem problemas; pois é área de mata atlântica, logo há muitas árvores. Mas também em Ponta Negra encontrará fartura de quartos pra locação; seja no camping da Branca, seja em frente a praia.
    E além disso, vc encontrará jantar pra comprar nos locais de pernoite! Então fique tranquilo, dá pra ir bem mais leve! Abraços, qq coisa 'tamo aí'. Inté!

  • Foto de leonardokanzawa

    leonardokanzawa 19/set/2019

    Muito obrigado pelas dicas chico! Grande abs!

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 19/set/2019

    Disponha sempre Leo

  • Foto de marcosfmello

    marcosfmello 21/set/2019

    Segui seu track nessa semana (17 a 20/09). Terminei ontem pois acabei pernoitando no Sono, lugar que acampo há mais de 15 anos. Está tudo correto, apenas a descida para a Praia do Sono que mudou há 1 ano e meio. Agora não desce mais reto, fecharam a trilha antiga e abriram uma que faz uma curva para esquerda de quem desce. Algumas horas o Wikiloc falava q estava fora da trilha, mas só existia 1 caminho, e percebia que era um erro de gps mesmo. Tive um problema na saída de Martins. O filho do Seu Maneco (o próprio não se encontrava no camping... estava em Paraty) falou q existia um caminho por baixo, indo pelas pedras mesmo... fiz oq ele falou e saí do percurso que marcava no tracklog. Me ferrei... tive q voltar e ir pelo caminho certo. A verdade é que você passa pelas pedras sim, mas um pouco mais pra frente.
    O segundo dia foi extremamente cansativo. Fiz a travessia sozinho e foi o momento que mais fiquei apreensivo pois começou a dar umas fisgadas de cãibra na cocha direita. Com muito custo, cheguei em Ponta Negra, mas o camping do Seu Ismael estava fechado para reforma, acabei ficando no camping do dono do Olhar Caiçara Restaurante, que ao lado esquerdo de quem desce para a praia.
    No dia seguinte acabei abortando o Saco Bravo pois amanheceu chuviscando e parando toda hora. Não havia um clima propício para uma cachoeira.
    Ótima trilha e, por causa do segundo dia, não aconselho para trilheiros de fim de semana.

  • Foto de Francisco Chico Trekking

    Francisco Chico Trekking 21/set/2019

    Ei Marcos,
    Muito agradecido pelo seu relato, dicas e atualizações.
    Essa gravação aqui já vai pra 4 anos, então é normal ocorrer algum ou outro ajuste ou modificação pela rota. Mas o importante é que o ramo principal se mantenha, não é mesmo?
    Realmente ali na saída de Martin se pensarmos na dica das pedras isto nos levará por trechos mais complicados. Mas bom que retornou e tocou pela melhor saída.
    Já o trecho até Ponta Negra é aquele que nos desgasta mais. Portanto não foi privilégio seu eheheheh... E nas condições ir até o Saco Bravo pra não curtir e com visual prejudicado de vera não é boa escolha. O cansaço, as dores, os receios... tudo isso faz parte da atividade. E nos amadurece ainda mais!
    Muito obrigado por dar notícias. Fico sempre grato a isso pq nos mostra como uma rota vai se comportando, evoluindo e se modificando.
    Bons ventos sempre pra Ti, abraços!

You can or this trail