Horas  um dia 10 horas 34 minutos

Coordenadas 1441

Uploaded 30 de Maio de 2016

Recorded Maio 2016

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
1.881 m
946 m
0
3,8
7,6
15,22 km

Visualizado 4467 vezes, baixado 486 vezes

próximo a Sítio Cerro Verde, Paraná (Brazil)

Trilha realizada para ascensão ao Pico Paraná com uso de mochilas cargueiras para realizar o acampamento no cume.
Iniciamos a trilha pela Fazenda Rio das Pedras, fazenda logo após a Fazenda do Pico Paraná (Dilson), inicia com uma subida
a subida íngreme rumo a pedra do grito e pedra da desistência. Diz a lenda que nesta pedra o pessoal da um grito e desiste da aventura devido ao esforço inicial. Seguimos adiante ao pico do Morro Getúlio, até seu cume onde tem um belo local contemplativo que se visualiza a represa do Capivari a ponte da BR 116 e outro morros da região.
passamos a Bifurcação do Caratuva, posteriormente da Itapiroca.
Para se abastecer com água,é tranquilo, o primeiro ponto de água na trilha fica depois do Getúlio, na bica entre o Caratuva e Itapiroca, essa é a melhor de todas as bicas e um bom lugar para uma parada e um lanche. Há mais dois riozinhos antes de chegar no A1 onde também é possível pegar água. Depois desse ponto apenas terá água novamente no A2 pegando uma pequena trilha que sair por trás da casa de pedra.
Antes do A2 existe alguns pontos de grampos, que geram uma certa tensão em alguns trilheiros mais assustados, mas algo que com responsabilidade e cuidados básicos se torna de fácil transposição.
Continuamos até o pico para acampamento e passar a noite ali para no dia seguinte realizar o retorno.
Mas todo o esforço é recompensado, quando do cume você contempla a maravilhosa vista da serra do mar, com sua exuberante Mata Atlântica, do litoral paranaense, com as baías de Antonina e Paranaguá e mais ao longe a cidade de Curitiba! Embora dessa vezes não tivemos este visual todo. Dessa vez iniciamos as 4 da manhã a subida para garantir um melhor tempo para subida e desfrutar da belezas do local, que foi uma escolha bem acertada, durante a ida o dia se manteve completamente com nevoeiro sendo possível só visualizar vultos dos morros próximos e nada do visual mais longe mas foi uma subida tranquila. A noite se manteve com garoa fina e bastante vento característico da visão (por isso a importância de uma barraca de montanha). No dia seguinte o sol quis nos contemplar com um belo espetáculo da vista do nascer mas faltando minutinhos uma nuvem fechou nossa visão, na volta tivemos um retorno com mais visão e direito a tapete de nuvens, só faltou um belo céu azul para compor a beleza do local.
Tudo foi maravilhoso, a única coisa triste é ver a grande quantidade de fogueiras feitas nos pontos de acampamento, lixo abandonado e a falta do caderno da montanha, sem falar de ter que dar orientação aos que insistem a realizar fogo nas montanhas, um ser sem amor à natureza! Carregar um fogareiro e um gás na mochila não mata ninguém! Realmente não há necessidade de fazer fogo!
O Pico Paraná é a montanha mais alta da Região Sul do Brasil. É uma formação rochosa de granito e gnaisse, entre o município de Antonina e Campina Grande do Sul, no conjunto de serra chamado Ibitiraquire, que na língua tupi significa “Serra Verde”.
Sua altitude foi aferida em 1.877,392 m com uso do Sistema de Posicionamento Global por três equipes da Universidade Federal do Paraná.
A trilha não apresenta grandes dificuldades técnicas, mas exige atenção do montanhista e um considerável exercício físico e mental para chegar no topo da montanha. Estando numa zona de clima subtropical, é importante tomar precauções nas escaladas durante boa parte do ano, principalmente no período de inverno, visto a regularidade de temperaturas abaixo de zero ). Equipamentos básicos e vestuários apropriados, evitam vários inconvenientes, atentem-se ao uso de barracas para uso de montanhas, devido as condições climáticas do local.

Ao acampar lembre-se: As fogueiras são proibidas em locais ambientalmente protegidos. A atividade enfraquece o solo e representa uma das grandes causas de incêndios florestais. Ao cozinhar utilize fogareiro, para iluminação use lanterna e para se aquecer, basta ter a roupa adequada ao clima do local que se está visitando. NUNCA deixe nenhuma forma de lixo nas trilhas ou montanhas, recolha o lixo que encontrar se for possível. Preservemos a beleza natural do mundo.

Trilha realizada com o grupo: Sem Limites!
(Ademir, Anderson, Aroldo, Bruna, Carlise, Chico, Dayanne, Denise, Gill, Hélio, Joara, Jhônatas, Johnny, Luis Guilherme, Terezinha).
Vista Getúlio
  • Foto de Bifurcação: Caratuva - PP
Bifurcação: Esquerda: Caratuva Direita: Pico Paraná
  • Foto de Vista
Vista
  • Foto de Paredão
Paredão
  • Foto de Casa pedra
Casa pedra
Último ponto água, trilha a direita ao lado da casa de pedra.
  • Foto de Cume do PP
Referência do Ponto Geodésico do cume.
  • Foto de A2
Acampamento A2
  • Foto de Vista
Vista
  • Foto de A1
Acampamento 1
  • Foto de Bifurcação: Itapiroca - PP
Bifurcação do Itapiroca e Pico Paraná
  • Foto de Vista
Vista
Fazenda Rio das Pedras Tem chalés para alugar e alojamento, fazem almoço e tem banheiro para alugar Estrada do Barro Branco Campina Grande do Sul, PR (41) 3366-0106 Raul/Dirlete http://www.fazendariodaspedras.com/ *(041) – 8443-6771 - Dirlete *(041) – 9212-9414 - Raul Emails: [email protected] | [email protected]

26 comentários

  • Foto de Bessa27

    Bessa27 27/jun/2016

    Dá para dormir no cume? quantas barracas cabe lá? Quantas barracas cabem no A2?

  • Foto de heliosandrini

    heliosandrini 27/jun/2016

    Sim dá para dormi no Cume se nao me engano o total seria 6 barracas .

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 27/jun/2016

    Olá Bessa27. O cume tem pouco espaço mas existe a possibilidade de dormir lá. No topa cabe uns 4 - 5 barracas pequenas.
    O A1 tem espaço para uma 5 - 6 barracas, no A2, para 7 ou 8 barracas.
    O A2 é o local com mais espaço e o que melhor acomoda as barracas, sem contar que o visual é belíssimo e possui ponto de água próximo

  • Foto de Bessa27

    Bessa27 29/jun/2016

    Obrigado pelas respostas pessoal! Esse fds irei lá!

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 29/jun/2016

    Boa Trip! Aproveite bem, desejo-te um mar de nuvens.

  • Foto de heliosandrini

    heliosandrini 30/jun/2016

    Tambem desejo um mar de nuvens sem Chuva, a nossa que fizemos foi chuva e pegamos só 8 min o nascer do sol, ele começa a nascer as 6 :50 da manha , mas acorda antes é melhor hahhhahah. Abraços

  • Foto de luiz filipe

    luiz filipe 3/nov/2016

    Para quem é de São Paulo, basta pegar ônibus para Curtiba e descer no posto Tio Doca certo? E para voltar para São Paulo, é necessário ir até Curitiba e pegar um ônibus de volta ou no posto Tio Doca é possível pegar a condução?

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 3/nov/2016

    Olá, nunca fui de ônibus. Conforme fui informado vou te passar as informações que obtive:
    O Embarque que se faz em Curitiba na Rodoferroviária de Curitiba. Na Empresa: Princesa dos Campos.
    Linha: Curitiba - Registro/SP ou Curitiba - Rio Pardo
    Destino: Terra Boa. Dê como referência o posto do Tio Doca, que fica nesta localidade.
    Após passar o ponto do posto Tio Doca, pedir para o motorista para descer na próxima parada, que fica exatamente junto à ponte sobre o Rio Tucum(km 46). O posto Tio Doca é o primeiro posto do lado esquerdo da BR-116 (sentido Curitiba - São Paulo) após passar a entrada da Estrada da Graciosa e a Polícia Rodoviária Federal.
    Exatamente na cabeceira desta ponte, antes de cruzá-la, entrar numa estrada de saibro, no lado direito. Segue-se por esta estrada aproximadamente 5,5 km, até a Fazenda Pico Paraná. Nesta estrada há algumas bifurcações. A direção correta está indicada por placas com o escrito "FAZENDA PICO PARANÁ. O tempo de caminhada da BR-116 até a fazenda é de aproximadamente 1,5 horas.
    Para o retorno bom se informar na empresa sobre os horários e melhor local para pegar o ônibus.
    Fico a disposição.
    Abraços.



  • eduardo de mio 16/fev/2017

    I have followed this trail  View more

    Talvez a trilha mais clássica do Paraná fora do Conjunto Marumbi.. Passei meu aniversário de 18 anos (1994).. e ja fiz umas 25 vezes essa trilha. A ultima subida, a dois anos, foi num bate e volta em um dia com visual espetacular.
    Recomendo muito

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 16/fev/2017

    Realmente Eduardo esta trilha possui um visual Espetacular.
    Ainda não realizei tantas visitas a ela como você, mas sempre que posso aproveito para apreciá-la.

    Abraços Amigo.

  • Foto de gvogetta

    gvogetta 13/mar/2017

    Lamentável a quantidade de lixo que vem sendo deixada nos pontos de AC e ao largo da trilha. Cuidem!
    Dormir no cume (A3) deve ser evitado a todo custo, pois é área bastante frágil e solo muito raso, difícil fixar os espeques das barracas, além dos danos inerentes (dejetos e pisoteio de vegetação) que são de difícil recuperação ali. Não raro alguns acordam com o vento (forte ali) arrastando o teto da barraca vale abaixo, o que, aliás, é bem feito!
    O ideal é não ter preguiça e acampar no A2, acordar bem cedo e ir ver o sol nascer no cume. Fica a dica e o pedido.

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 13/mar/2017

    Concordo contigo gvogetta, mudei até a descrição do meu tracklog, que opinava em realizar o acampamento no cume. Valeu pelo toque.
    As montanhas andam precisando de muito respeito, em questão de lixo (em algumas partes verdadeiras latrinas) e vestígio de fogueiras e até de regiões com queimadas, já perdi a conta de vez que chamei atenção em uso de fogueira nessa região, a atividade anda aumetnado mas a consciência nesse quesito está cada vez menor.
    Realmente o A2 é o local com mais espaço e o que melhor acomoda as barracas, sem contar que o visual é belíssimo e possui ponto de água próximo um local bem estratégico para acampar se o tempo também virar, comum nessa região.

  • Foto de Dalmo Canina

    Dalmo Canina 6/jun/2017

    Johnny S
    A Fazenda Rio das Pedras ou a Fazenda Pico Paraná tem infra de camping e estacionamento?
    Você teria os contatos?

    Obrigado e parabéns pelo track!

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 7/jun/2017


    Obrigado amigo.
    Segue os contatos fico a disposição:
    Ambos possuem infraestrutura para Camping e Estacionamento.

    Contato: Fazenda Pico Paraná
    Celular: *(041) 9 9906-5574 - Dilson (TIM)
    http://fazendapicoparana.altamontanha.com

    Contato: Fazenda Rio das Pedras:​
    *(041) - 3366-0106 – Raul/Dirlete
    *(041) – 9 8443-6771 - Dirlete
    *(041) – 9 9212-9414 - Raul
    Emails: [email protected] ou [email protected]
    http://www.fazendariodaspedras.com

  • Mary Fuzetti 11/jul/2017

    I have followed this trail  View more

    A trilha é bem sinalizada. Não recomendo para iniciantes.

  • Foto de Luis Felipe Ribas

    Luis Felipe Ribas 26/ago/2017

    I have followed this trail  View more

    Trilha maravilhosa. Fiz durante a semana com tempo lindo e montanha vazia. De quebra visitei o União e o Ibitirati, show de bola. Mapeamento perfeito da trilha, ajudou muito mesmo. :)

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 28/ago/2017

    Valeu Luis Felipe Ribas.
    Que Maravilha que conseguia pegar montanha vazia, realmente é um privilégio.
    Ainda estou devendo uma visita para o União e Ibitirati, como está o acesso muito fechado?
    Abraços e boa semana.

  • Foto de Luis Felipe Ribas

    Luis Felipe Ribas 28/ago/2017

    O acesso pro União e Ibitirati até que tá tranquilo.
    Em alguns pontos a mata tá bem densa, além da umidade que deixa o terreno bem escorregadio, mas a trilha ainda tá bem visível e batida, dá pra fazer um ataque de boas. :D

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 28/ago/2017

    Obrigado pela informação amigo.
    Boas trilhas Luis Felipe Ribas.

  • Foto de alexandresilvaspl

    alexandresilvaspl 18/fev/2018

    Bom dia .será que consigo acampar lá com barraca normal para 4 pessoas, aquela que cabe um colchão de casal?

  • Foto de Robson Nunes Costa

    Robson Nunes Costa 10/abr/2018

    As subidas sao muito puxadas?

  • Foto de Bruna Delazeri

    Bruna Delazeri 24/abr/2018

    I have followed this trail  View more

    Trilha sensacional! Tem uma vista maravilhosa, é bem sinalizada e não é muito difícil de fazer. Saimos 7 da manhã e voltamos as 6 da tarde. Há possibilidade de acampar, tem dois pontos para acampamento e vários pontos de água. Dizem que o nascer do sol é maravilhoso lá de cima. Vale a pena conhecer!

  • Foto de Anderson Rafael Bublitz

    Anderson Rafael Bublitz 14/jun/2018

    Olá amigo. Gostaria de um informação por favor. Sou de Blumenau/Sc e quero fazer o pico Paraná em julho 2018... gostaria de saber se o início da sua trilha marcada da exatamente no início da trilha para o pico Paraná, na fazenda ? É possível chegar de carro lá no início da trilha ou necessito de mais algum meio de transporte? Aguardo retorno, obrigado desde já.

  • Foto de williandobis

    williandobis 30/jul/2018

    I have followed this trail  View more

    Trilha pegada, porém satisfatória!!

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 5/ago/2018

    Valeu pessoal pelo feedback.
    Obrigado pela Parceria.
    Abraços e boas trilhas.

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 5/ago/2018

    Olá Anderson Rafael Bublitz.
    Sim a trilha é uns 50m da Fazenda do Pico Paraná, não necessita outro transporte. No mapa do wiki é possível ver as duas fazenda ali, a Pico Paraná e Fazenda Rio das Pedras.
    Abraços e boas trilhas.

You can or this trail