• Foto de Pedra da Mina, via Paiolinho

Horas  8 horas 55 minutos

Coordenadas 2143

Uploaded 6 de Julho de 2014

Recorded Junho 2014

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
2.803 m
1.570 m
0
4,0
8,1
16,17 km

Visualizado 2763 vezes, baixado 252 vezes

próximo a Lamins, Minas Gerais (Brazil)

Subida da Pedra da Mina ( 2.798 m) via Paiolinho ( Fazenda Serra Fina ) estilo alpino, subida e descida em 1 dia.

10 comentários

  • Foto de mmoralles

    mmoralles 23/jun/2015

    Fiz essa linda caminhada há muito tempo, quando eu ainda não tinha GPS. Vou voltar lá no próximo fim de semana.
    Vou usar seu trek. Valeu!

  • Foto de Carlos.A.Monteiro

    Carlos.A.Monteiro 25/jun/2015

    mmoralles, boa caminhada ! Valeu !

  • Foto de Marcos Henrique

    Marcos Henrique 27/set/2015

    I have followed this trail  View more

    Navegacao tecnica: Apresenta bastantes bifurcações e trajetos “alternativos”, porém o caminho padrão a se percorrer é intuitivo. Possui marcações com fitas e papéis reflexivos (para navegação noturna) no decorrer da trilha.
    Cenario: Visões panorâmicas daquela região da Mantiqueira
    Grau de exposicao: A trilha percorre muitos desníveis (escalaminhadas) que oferecem exposição, mas é necessário dizer que não são muito técnicos e com cuidado você pode passar por eles de forma segura.
    Esforco fisico: Elevado e exige pernas bastante resistentes
    Elementos: Água apenas no início. A noite faz muito frio e venta muito. Várias áreas de camping no decorrer da trilha.

  • matheuschassot 5/set/2016

    I have followed this trail  verificado  View more

    Fomos neste fds em 6 pessoas. Trilha linda, fácil de seguir e com várias opções, mas bem puxada e com locais de dificuldade média para alta de escalaminhada (tanto tecnicamente quanto fisicamente). Incrível andar pela crista da serra, nas pirambeiras Deus me livre e Misericódia, depois subir a pedra e ver tudo de cima. Acampamos no cume. Só havia mais um grupo (de umas 10 pessoas) além de nós.

  • matheuschassot 5/set/2016

    Ao meu comentário anterior, vale dizer que somos todos iniciantes. Foi bem puxado e dolorido, mas completamos com segurança e sucesso.

  • serrardv 2/out/2016

    Quais valores são cobrados na fazenda Serra Fina?
    É cobrado por carro e por pessoa?

  • matheuschassot 3/out/2016

    20 reais por carro

  • Foto de RAFAELCARDOOZO

    RAFAELCARDOOZO 9/mar/2017

    I have followed this trail  View more

    Meu começo nas grandes montanhas (:

  • Foto de lucianalima

    lucianalima 7/mai/2019

    I have followed this trail  View more

    Fiz essa trilha dia 04/05/19 com meu namorado e antes lemos muitos relatos a respeito para conseguir o máximo de informações a respeito, chegamos facilmente na cidade no dia anterior e ficamos num hostel super aconchegante, recomendo esse hostel serra fina, o dono é super gente boa e guia também, então ele tem informações importantes, saímos do hostel às 04:30 da manhã e chegamos à Fazenda às 05:40 mais ou menos ainda escuro, esperamos clarear um pouco e começamos a trilha beirando o barulho do rio q ouvimos e seguindo as orientações que vimos aqui no site, não usamos GPS, a trilha não é totalmente demarcada, no início há bifurcações e não tem nada marcado, mas seguindo beirando onde se ouve o barulho do rio é a trilha, daí em diante fica claro o caminho, passa pelos pontos de água, um bem perto do outro, pegamos água por precaução, mas levamos conosco 6 litros de água, 3 litros cada um, castanhas, uvas passas, chocolates e barras de cereais, pq fomos com a intenção de fazer bate e volta, assim seguimos, já no início tem subidas e exige um preparo físico bom, tênis apropriado, bastão, roupas adequadas e também todo equipamento para possíveis adversidades, lanterna, capa de chuva, faca, curativos, antisséptico etc. A subida parece não ter fim..rs, já estávamos andando há 3 horas e começou chover, eu pensei em voltar mas ele não ..rs, continuamos com chuva mesmo, exigindo mais cuidado ainda pq tem rochas com pedras rolantes em muitos pontos, tem a subida do Deus me Livre, bem exigente mesmo e descidas tb exigem bem dos joelhos e pernas, andamos mais 3 horas para avistar que estávamos perto do cume, mas antes do cume um paredão de rocha íngreme que me assustou, com chuva estava bem escorregadia a pedra, tive q descer e fazer um contorno para subir com segurança, e uma escalaminhada para o cume que vale a pena, chegamos ao cume era 14:30. Tinha uma neblina não muito densa, vimos tudo ao redor, mas fechou o tempo rapidinho em questão de segundos, ficamos uns 15 min no cume, assinamos o livro, mas tinha ainda a volta...nossaaaaa! Iniciamos as descidas e a chuva continuava fraca, precisa ter muito cuidado mesmo nas descidas, tentamos fazer o mais rápido pra não chegar à noite até a fazenda mas não deu, chegamos no estacionamento já era 19:10, então ao todo num ritmo bom, pq não paramos muito e sim fomos mais cuidadosos devido a chuva, mais de 12 hs pra concluir, usamos somente 3 litros de água são suficientes, bom levar uma bateria extra pro celular pq acabou a bateria no cume..rs. Uma dica que posso dar é pra quem quer fazer essa subida bate e volta, que faça outros picos antes para testar resistência e adquirir uma certa experiência e afinidade com montanhas mais exigentes, antes de irmos à Pedra da Mina, fizemos subidas em Extrema, Monte Verde, Atibaia, isso nos deu segurança e já havíamos enfrentado chuva e frio no cume, então isso não nos abateu e seguimos, pq algumas adversidades podem fazer a gente desanimar por falta de afinidade com essa aventura mais exigente. A paisagem é maravilhosa, vimos muitas espécies de pássaros, flores e no cume a sensação é indescritível, ver ao redor todas montanhas e cidades e nuvens bem de perto, e assinar o livro do cume é um certificado de que vc foi e fez, e essa experiência ninguém nos tira. Recomendo muito essa experiência e com certeza descendo a Pedra da Mina já estarão programando outros Picos por aí afora nesse Brasil tão lindo que temos. Um salve a todos!

  • Foto de Carlos.A.Monteiro

    Carlos.A.Monteiro 8/mai/2019

    Muito legal Luciana ! Parabéns a vocês ! E, sempre que puderem, aproveitem a Mantiqueira, mas com todos os cuidados e "leave no trace" relacionados a nossa mais bonita Cordilheira.

You can or this trail