Horas  5 horas 17 minutos

Coordenadas 2714

Uploaded 26 de Novembro de 2016

Recorded Outubro 2016

-
-
270 m
-6 m
0
6,4
13
25,56 km

Visualizado 1038 vezes, baixado 65 vezes

próximo a Padrón, Galicia (España)

VALENÇA - SANTIAGO | Outubro 2016

Vídeo da Viagem

1. Valença - O Porriño
2. O Porriño - Pontevedra
3. Pontevedra - Caldas de Reis
4. Caldas de Reis - Padrón
5. Padrón - Santiago de Compostela (com o novo percurso criado em finais de 2015, desde o O Milladoiro.)


Este percurso é "tramado" para mim. Tudo porque em 2014 e 2015 o fiz sempre entre as 14h e as 17h, de bicicleta, com 38ºC. Aparentemente é um percurso simples, mas é o meu calcanhar de Aquiles.

Porém, agora que o iria fazer a pé (pela primeira vez), decidi vencer este caminho. Estipulei que o iria fazer em 5h. Ora, o percurso tem o estimado de 24km. À média de 5km/h (com paragens) demoraria 5 horas a realizá-lo. Mas atenção. 5km/h com paragens significa que temos de andar em grande parte do caminho entre os 6 e os 7,5km/h. O que é manifestamente rápido, contando que se leva 7kg às costas.

O difícil foi convencer a namorada a ir ao mesmo ritmo. Mas conseguiu-se.

Partimos às 6h30 e chegamos às 11h42 à Praça do Obradoiro.

ATENÇÃO!!! Desde final de 2015, após O Milladoiro, o percurso MUDOU!!! No terreno, parece que aumentou bastantes km, mas a verdade é que só aumentou em 1km. Mas a variabilidade de altimetria é dura. Tudo bem. Não passa na subida do hospital de Santiago de Compostela, mas a diferença não é muita. Parece-me um percurso mais demorado do que o anterior - ver o meu track de 2015 - http://pt.wikiloc.com/wikiloc/view.do?id=10008979

Portanto, o percurso total é de aproximadamente 26km! Os meus planos foram para 24km. Ainda assim, chegamos às 11h42 à praça do Obradoiro! Uma média de andamento excelente. O objetivo desta etapa era mesmo um: SUPERAÇÃO MENTAL E FÍSICA.

O percurso em si não é "nada de especial". Não tem pontos que possamos considerar bonitos de se ver, embora a serra antes de O Milladoiro seja agradável. É um percurso que usa e abusa da N-550, principalmente entre o km 1,8 e km 6,3. Considero o percurso perigoso, especialmente para quem circula de noite (como foi o nosso caso). Ainda que fossemos com lanternas de sinalização, é uma estrada nacional com demasiado tráfego.

O percurso que se segue, entre A Escravitude e O Faramello é relativamente calmo e fácil de ser feito. Só nesta altura começa a amanhecer, a chegar a Faramello.

Tudo corre bem, passando por Riotinto, até chegar a O Milladoiro. Aqui, sou apanhado de surpresa pela mudança de percurso (visivelmente com nova sinalização - seja pinturas, sejam os marcos de pedra). Não levava o GPS em modo de navegação pela trilha que tinha feito em 2015, senão teria certamente ido pela Central Elétrica (quem fez o percurso conhece-a bem). Pois bem, o percurso passa agora por zonas abaixo da Central Elétrica e é serpenteante. Anda aos "S", sobe, desce, sobe, desce. Cansa. Irrita. A sério! Pensei que só eu teria ficado com essa sensação, mas um senhor que está habituado ao caminho, também se queixou da mudança do percurso. Analisando com mais calma, talvez a mudança tenha sido melhor. Não sei ainda.

Quase a chegar a Santiago, chegamos a um ponto que esteve em obras durante (pelo menos) 2 anos. Está agora transitável e, em vez de irmos até à rotunda do Hospital, vamos por um bosque, entre os km 21,7 e km 22,6.

É nesta altura que vemos duas coreanas (que iam atrás de nós cerca de 5min) a passarem pela nacional (num caminho que desconheço). Viriam a ficar à nossa frente à chegada à avenida principal de Santiago. No entanto, voltamos a passá-las. QUE CORTE IMENSO DE CAMINHO! Mas por onde? Desconheço. Fiz o percurso indicado.

ATENÇÃO! À chegada ao km 22,6 deste track, irá deparar-se com uma situação. IRÃO APARECER 2 MARCOS DE PEDRA!!! O marco que é visivelmente mais antigo aponta para a direita. O marco de pedra novo aponta para a esquerda.

Bom. Dilema!!! Seguir para a direita ou para a esquerda? Por uma questão de lógica, seguimos o marco novo, já que pelo caminho tínhamos visto que a marcação está a ser recalculada. Passamos uma ponte e aí falamos com um local, que nos informa que vamos bem. Ambos os caminhos fazem chegar à Catedral. A diferença é que indo pela marcação antiga, o percurso tem um acréscimo de 2,5km!!! Desde esta ponte, o percurso tem aproximadamente 2,5km para a chegada à Catedral.

É. Vamos pelo caminho dos 2,5km, em vez dos 5km! À velocidade a que vínhamos a caminhar, começamos já a ficar cansados. E metemos como objetivo chegar antes das 12h. Há que ter objetivos. O nosso era este.

A marcação parece-me melhor do que em anos anteriores (o que é um ponto positivo), especialmente quando entramos em Santiago de Compostela.

Às 11h42, chegamos à Praça do Obradoiro. 5h12min para percorrer 26km. Excelente!

View more external

Se seguir pela esquerda são 2,5km até à Catedral. Se seguir pela direita, são 5 km até à Catedral.

Comentários

    You can or this trail