Tempo em movimento  6 horas 16 minutos

Horas  8 horas 36 minutos

Coordenadas 2666

Uploaded 3 de Janeiro de 2019

Recorded Janeiro 2019

-
-
254 m
0 m
0
3,7
7,4
14,77 km

Visualizado 211 vezes, baixado 24 vezes

próximo a Armação, Santa Catarina (Brazil)

Trilha Lagoinha do Leste [Via Armação(Matadeiro), Retorno: Morro da Coroa]

Uma das trilhas mais gostosas da ilha: Lagoinha do Leste. Praia, costões, montanha, lagoa, mar e mata nativa. Esses ingredientes estão todos juntos na Lagoinha do Leste, que esconde seu encanto entre os morros do sul da Ilha de Santa Catarina. Um dos últimos redutos de Mata Atlântica ainda preservadas da cidade. Uma das trilhas mais belas de Florianópolis.
Na década de 90 foi criado o Parque Municipal da Lagoinha do Leste, visando proteger um dos únicos ambientes remanescentes livres de ocupação efetiva. Atualmente, o lugar é procurado por moradores e visitantes que buscam desfrutar de um ambiente natural, bonito e tranquilho.
Durante o caminho é possível observar diferentes estágios de regeneração e formações da Floresta Ombrófila Densa, que é um dos ecossistemas da Mata Atlântica. Ao fim, o desfruto de um banho de mar ou de lagoa.

A trilha tem início no final da Praia do Matadeiro, passando por um caminho entre as poucas casas construídas em meio a mata. A Praia do Matadeiro, que só pode ser acessada a pé, numa trilha pequena e simples. A praia tem águas geladas, com ondas, uma faixa de areia larga com cerca de 1 km de extensão e dispõe de alguns bares e restaurantes. O Matadeiro tem este nome, pois antigamente, quando a caça de baleias era permitida, era neste local que os pescadores matavam-nas, com o auxílio de armadilhas produzidas por eles na praia ao lado, por isso o nome Armação.

Esta é a opção mais longa para chegar à Praia da Lagoinha do Leste mas apresenta impressionante vista dos costões, dentro da mata fechada e a céu aberto caminhando ao longo do costão. A praia tem aproximadamente 1.240 metros e boas ondas para prática do surfe.

Uma das grandes atrações e o motivo de seu nome é sua lagoa em formato de um S de águas mais quentes e todo seu verde em volta. Já não espere uma praia deserta, já que ela tem sido cada vez mais frequentada por turistas e algumas pessoas acampadas por ali.
Neste dia o banho de mar estava completamente gelado e abortamos o banho e ficamos um bom tempo banhando-se na lagoinha que neste dia estava completamente com sua água aquecida e repleta de pequenos peixes.

O Morro da Coroa é outro atrativo da trilha, uma subida curta, de aproximadamente 650m, não existe uma trilha propriamente dita, onde você consegue achar uma pedra pra subir em qualquer lugar, mas há um caminho mais usado que é fácil de identificar. Em alguns trechos é preciso fazer escalaminhada,com uma ascensão máxima de 240m ao nível do mar é a subida que exige mais preparo físico e habilidade pois possui vários ponto de erosão e pedras soltas. Mas o esforço vale muito a pena com o belo visual contemplativo do local. O Morro da Coroa se deve ao topo da formação rochosa que remete-se a vértices de uma coroa. É também neste morro que se encontra a a "famosa pedra do surfista" tão procurada para realização de fotos dando um aspecto de projeção sobre toda a praia da Lagoinha. No topo do morro, um local singular se apresenta, com as mais belas formações rochosas pontiagudas.

O retorno foi realizado pelo Morro da Coroa que possui uma bela vista de toda região, juntando se a trilha tradicional da Lagoinha do Leste via Pântano do Sul (que foi recentemente revitalizada) em muitos pontos há escadas feitas de pedra ou troncos, que facilitam o acesso.
A trilha da Lagoinha do Leste, oficializada pela Lei Municipal nº 5.979/02, foi revitalizada para o deleite do turistas e visitantes locais. A trilha que une o Pântano do Sul à praia da Lagoinha do Leste passou por uma ampla revitalização recentemente, que incluiu trabalho de manutenção das drenagens, a colocação de roletes de eucaliptos na função de escadas, além do plantio de árvores, colocação de novas placas e retirada de pedras que dificultavam a passagem.
A revitalização foi uma união de esforços entre o Programa Roteiros do Ambiente (PRA), uma parceria entre a Fundação do Meio Ambiente de Florianópolis (Floram), a Secretaria de Turismo, o Instituto Multidisciplinar de Meio Ambiente e Arqueoastronomia (IMMA), a Associação Coletivo UC da Ilha, o Instituto de Estudos Ambientais Trilheiros de Atitude (IEATA), o Instituto Çarakura e a Cooperativa Caipora.


E o retorno escolhido pelo grupo foi caminhando pela estrada geral até a praia da Armação onde deixamos os veículos (aproximadamente uma caminha de 4,5km). Tem a opção de pegar o ônibus para retorno, a parada é bem próxima do final da trilha e para acessar os horários dos ônibus (Costa de Dentro e Pântano do Sul) acesse o site: http://www.consorciofenix.com.br/horarios.

Trilha realizada em amigos: Johnny, Vanderlei, Cassi, Felipe e Bruna.
Trilha realizada em 02 de janeiro de 2019.

Orientações:
Lembre-se: NÃO FAÇA FOGUEIRAS: Ao acampar as fogueiras são proibidas em locais ambientalmente protegidos. A atividade enfraquece o solo e representa uma das grandes causas de incêndios florestais.
Ao cozinhar utilize fogareiro, para iluminação use lanterna e para se aquecer, basta ter a roupa adequada ao clima do local que se está visitando.
EVITE ao máximo FUMAR e, se o fizer, sobretudo não descarte suas bitucas no caminho - bituca também é LIXO, apague-as com água e traga junto com o seu lixo.
Muita atenção ao horário de retorno (variável de acordo com a estação), leve SEMPRE lanterna e baterias sobressalentes.
Lembre-se: em ambientes naturais há riscos de diversos acidentes e a fadiga pode favorecê-los.
NUNCA deixe nenhuma forma de lixo nas trilhas recolha o lixo que encontrar se for possível. Sempre deixe a flora e a fauna da região do mesmo jeito que estavam antes de você chegar. Não deixe nada pelo caminho. Se você conseguiu levar a mochila cheia, pode muito bem trazer seu lixo de volta (e se possível, dos outros também).

Toda trilha possui seu esforço é importante conhecer seus limites.
A felicidade verdadeira deve ser compartilhada!
Respeite a natureza! Preservemos a beleza natural do mundo.

Comentários

    You can or this trail