Tempo em movimento  3 horas 23 minutos

Horas  4 horas 40 minutos

Coordenadas 2445

Uploaded 30 de Maio de 2019

Recorded Maio 2019

-
-
479 m
33 m
0
3,5
6,9
13,83 km

Visualizado 39 vezes, baixado 0 vezes

próximo a Jaconé, Rio de Janeiro (Brazil)

Giro por trilhas, caminhos e estradinhas do Roncador e pelo lugarejo conhecido como Buracão, em Sampaio Correa.

Tirando o único trecho problemático, por causa das dezenas de árvores caídas na trilha devido ao último vendaval, o restante dos trajetos está bem orientado e transitável.

Justamente aquele trecho das árvores caídas (e apesar delas) continua sendo o mais interessante daquela área, pela pujança da mata, seu traçado sinuoso e a sensação de distância da civilização. Mas não é para amadores.

Isso porque, além da dificuldade em se transpor os troncos e ramagens caídas, a marcação da trilha está se perdendo em alguns locais, tornando a orientação confusa e aumentando o risco de tombos por causa das altas inclinações e terrenos irregulares.

No entanto, se o caminhante tiver experiência em mato fechado, for cuidadoso com sua segurança e tiver bom preparo físico e disposição, vale a aventura.

View more external

foto

Acesso alternativo

Este é um acesso alternativo ao conjunto de trilhas.
foto

Sinalização de motos

Subir à esquerda.
foto

Bifurcação

Seguindo à esquerda sobe até a estradinha e à direita sai no acesso alternativo.
foto

Visual da subida

foto

Trilha sinuosa e por vezes plana

foto

Grandes árvores à esquerda

foto

Pedras Rachadas

foto

Seguir à esquerda

Provavelmente à direita sairá em pasto, que eu não quis ver por já ter pego muito carrapato esta semana...
foto

Córrego - atravessar

foto

Seguir à direita

À esquerda sai em uma casa.
foto

Casebre

foto

Visão das matas da Serra do Mato Grosso

foto

Saída em servidão

Subir à direita
foto

Entroncamento com a estrada - subir à esquerda

foto

Visual da Lagoa de Saquarema

foto

Foto

foto

Foto

foto

Foto

foto

Entrada da trilha das árvores caídas no meio do bananal

Seguir pela esquerda no bambuzal caído, com cuidado.
foto

Bagunça de galhos caídos

foto

Vista do Pico da Lagoinha, ponto culminante de Maricá

foto

Largo das jabuticabeiras

Se você chegou até aqui, já andou bastante. E também pulou muita árvore caída. Mas ainda tem muito mais...
foto

Foto

foto

Bananal à esquerda, mas não pegue!

O caminho correto é seguindo à direita da árvore caída na trilha e não à esquerda, como fiz inicialmente. Com esse meu erro, passei por dentro de um sítio, onde encontrei o "seu" Jorge e o "seu" Catiê, que me permitiram passar por sua propriedade, ponto final da estradinha do "Universalismo".
foto

Vista do sítio dos Srs. Jorge e Catiê

foto

Cascatinha

Para conferir onde eu tinha errado, segui o traçado original do caminho onde eu estava, antes de sair para o bananal, subindo. E esta cascatinha atravessa o trajeto.
foto

A árvore caída que me fez errar

Esta é a última grande árvore caída, no sentido de quem vem lá de cima. Repetindo, pegar à direita.
foto

A primeira casa na beira do caminho original - e não do caminho do bananal

foto

Estradinha do Universalismo ou do Buracão

foto

Campus do Instituto de Projeciologia

foto

Igrejinha evangélica que é a referência de entrada à esquerda de quem desce

À direita, a estrada segue por alguns quilômetros até desembocar na Rodovia Amaral Peixoto, sem graça para caminhadas.
foto

Bifurcação - à esquerda sobe pelas trilhas e à direita chega-se ao loteamento do Roncador

foto

Saída da estradinha no loteamento de sítios planos e amplos

Comentários

    You can or this trail