Horas  7 horas

Coordenadas 1275

Uploaded 14 de Julho de 2016

Recorded Junho 2016

-
-
258 m
49 m
0
3,5
6,9
13,82 km

Visualizado 1118 vezes, baixado 61 vezes

próximo a Nossa Senhora do Cabo, Setúbal (Portugal)

pt
Espichel - Trilho das Memórias
Memórias. De ontem, de há uns séculos ou de há milhões de anos. São testemunhos de história, do Planeta e do Homem, que despontam aqui e ali e que fui recolhendo para mostrar neste album.
O Trilho das Memórias é um percurso pedestre que desenhei juntando contributos de outros trilhos, nomeadamente o PR1 Chã dos Navegantes e PR2 Maravilhas do Cabo, e que fui fazer num 26 de Junho quente e ensolarado.
A viatura ficou parqueada junto do Santuário, e subimos de novo a estrada asfaltada que ali nos levou. Um pouco depois deixámo-la para entrar à esquerda por um caminho de terra batida, onde de imediato cruzamos o aqueduto que vai de Azóia à Casa da Água, ali no Espichel. O aqueduto segue ao nível do solo, aqui nesta zona. Mais uns passos e estamos a descer à Praia dos Lagosteiros, por um caminho actualmente bastante escalavrado. A praia não tem areia, o chão está atapetado de grandes blocos redondos, mas é um lugar encantador, onde somos subjugados pela dimensão das falésias, do Jurássico superior a sul, e do Cretácico inferior, a norte. Nas lajes do jurássico são visíveis várias pegadas de dinossauros, mas a melhor observação consegue-se depois de subirmos e seguirmos para NW, até atingir o miradouro dos dinossauros, com painel informativo. Depois andamos mais uns passos e estamos a caminhar sobre pegadas do cretácico, mesmo ali ao lado.
Voltamos então ao caminho, e seguimos por junto da falésia até alcançar a Ribeira da Fonte Nova (normalmente seca): pouco depois giramos à direita e vamos acabar regressando para SE, até chegarmos à estrada asfaltada de novo, onde viramos à esquerda e seguimos por um bocado, até tomar um caminho de terra batida à direita, onde vamos encontrar pouco adiante o painel informativo do PR1.
Seguindo sempre, começamos pouco depois a descer em direção ao mar. À nossa esquerda parte a dada altura o caminho que leva à idílica Baía da Baleeira, o qual não fizemos. Ao atingir o mar estamos perante mais uma memória, o Forte de S. Domingos da Baralha, completamente em ruínas. Da muralha vê-se, em baixo, e veremos também logo que deixarmos o forte para seguir ao longo da costa, um extenso campo de lapiás, outra memória, esta da acção erosiva mecânica e química, da água sobre o calcário. Pouco adiante um desvio à esquerda para irmos observar uma outra curiosidade, o arco da Pombeira que constitui uma ponte natural.
O nosso trilho volta para cima, mas podemos atravessar o arco e seguir junto à costa e só subir mais adiante. Depois de uma agradável caminhada ao longo do planalto do Espichel, acabamos por atingir outra memória, o belo Farol da Cabo Espichel - aberto a visitas às Quartas-feiras. Daqui vamos ver as mais importantes memórias do cabo, a Ermida da Memória e a Igreja Da Nossa Senhora do Cabo e casas anexas dos Círios.
E por fim vamos direitos ao parqueamento da nossa viatura, não sem antes visitar a bela Casa da Água.
en
Cape Espichel: the Trail of Memories
Memories. From yesterday, from a few centuries or from millions of years ago. They are testimonies of history, of the planet and of the human race, that emerge here and there and that I recollected along the way to show in this album.
The Trail of Memories is a walking path that I drew by joining contributions from other tracks, namely PR1 Chã dos Navegantes and PR2 Maravilhas do Cabo, and that I went walking on a hot and sunny June 26th.
The car was parked near the "Santuário", and we went up again the paved road that took us there. Shortly after we let it to turn left on a dirt road, which immediately crossed the aqueduct that runs from Azóia to the Water House, right there in Espichel. The conduit follows at the ground level, here in this area.
A few more steps and we are going down to the Lagosteiros beach, a path currently in quite bad shape. The beach has no sand, the ground is carpeted with large round blocks, but it is a lovely place where we are overwhelmed by the size of the cliffs, the south face belonging to the upper Jurassic and the north face to Lower Cretaceous.
On the flagstones of the Jurassic are visible several dinosaur footprints, but the best viewing is achieved after we go up and follow to NW until we reach the viewpoint of the dinosaurs, with information board. Then we walk a few more steps and we are moving over Cretaceous footprints, right next door :)
Then we returned to the path, and followed by along the cliff to reach the Ribeira da Fonte Nova (usually dry): shortly after we turn right and we end up returning to SE, until we reach the paved road again, where we turn left and follow a few steps, to take a dirt road to the right, where we find little further the PR1 information board.
We followed. A little later, we began to descend toward the sea. At some point, to our left, starts the path that leads to the idyllic Bay of Baleeira, where we have not been. Upon reaching the sea we are facing another memory, the Fort of St. Domingos da Baralha, completely in ruins. From the wall we can see, below, an extensive field of lapias, another memory, this from mechanical and chemical erosive action, of the water on the limestone. A little further a shift to the left to see another curiosity, the arc of Pombeira which is a natural bridge.
Our path wents back up, however we can cross over the arch and follow along the coast and climb further on. After a pleasant walk along the plateau of the Espichel, we end by reaching another memory, the beautiful lighthouse of Cabo Espichel - open to visitors on Wednesdays!
Here we see the most important memory of the Cape, the Ermida da Memória and The Church of Our Lady of the Cape and annexed homes of "Círios".
And finally let's go right to the parking lot, but not before visiting the beautiful Casa da Água!
Peça de artilharia
Farol
Forte da Baralha
Gruta karsica
Miradouro da Pedra da Mua
Lagosteiros

Comentários

    You can or this trail