Baixar

Distância

24,34 km

Desnível positivo

1.013 m

Dificuldade técnica

Difícil

Desnível negativo

1.013 m

Elevação máx

1.424 m

Trailrank

68 5

Elevação min

913 m

Tipo de trilha

Circular

Tempo em movimento

8 horas 31 minutos

Hora

11 horas 4 minutos

Coordenadas

4464

Enviada em

10 de agosto de 2021

Registrada em

agosto 2021
  • Avaliação

     
  • Informações

     
  • Fácil de fazer

     
  • Paisagem

     
Seja o primeiro a aplaudir
2 comentários
 
Compartilhar
-
-
1.424 m
913 m
24,34 km

Visualizado 146 vezes, baixado 3 vezes

perto de Vilarinho das Furnas, Braga (Portugal)

Um trilho com tanto de trabalhoso como de excelente, marcado de forma primorosa pelos Célitos da Montanha, a quem expressamos a devida vénia. Não foi seguido de forma integral, porque optamos por usar a Portela de Leonte como ponto de partida e de chegada, fugindo assim ao Maceira, zona de Protecção Total do PNPG, para além de outras pequenas variações, como, por exemplo, não termos ido aos prados da Messe, que só observamos à distância.
Depois de uma tentativa frustrada de subir ao cume, feita há cerca de dois meses a esta parte, arriscamos uma nova tentativa, bem sucedida desta vez. A primeira falhou por termos seguido um trilho sem pés nem cabeça, que nem sequer subia ao cume, para além de enveredar por opções lamentáveis.
Começamos tarde, por volta das nove e trinta, mas acabámos a uma hora boa, cerca das vinte e trinta, ainda com muita luz solar. Foi uma jornada durinha, mas sobejamente compensada pelo mergulho na beleza e imponência inigualáveis do nosso Gerês.
De um modo geral o percurso é feito por trilhos de pé posto, com um ou outro troço de corta mato ligeiro ou sem significado. Para além disso, tem algumas zonas de piso técnico, o acesso ao Conho, por exemplo, trabalhosas, mas sem dificuldades de maior. Dificuldade existe sim no acesso ao cume das Ruivas. É um lanço extremamente crítico, porque todo o cuidado é pouco, e não pode ser feito em dias de chuva. Mas é a cereja no topo do bolo, tal a imponência e grandiosidade da paisagem, em 360º. Não haverá muitos locais assim.
A minha vénia ao meu irmão de aventuras, disponível, aguerrido e sempre, sempre solidário, "follow me, I know the way".
Foto

Na subida da Portela de Leonte

Foto

Foto

Foto

Foto

Foto

Vale da Teixeira visto a partir da Freza

Foto

As Ruivas! É já ali

Foto

Conho ao fundo, Sombrosas à direita, e Ruivas ao fundo

Foto

Mágico Conho

Foto

Sombrosas e Ruivas

Foto

As Ruivas aqui tão perto

Foto

No cume das Ruivas

Foto

Do cume das Ruivas, em todo o seu esplendor

Foto

Foto

Foto

Prado da Messe, à distância

Foto

Conho, o reabastecimento

Foto

Foto

Foto

Foto

Foto

O prado do Conho em fundo

Foto

Foto

Foto

Vale da Teixeira, visto da Freza

Foto

Foto

Foto

Prado do Vidoal, com as antenas da Louriça em fundo

Foto

Vidoal

Foto

Foto

Foto

Foto

Foto

Foto

Foto

O Pé de Cabril em toda a sua imponência

Foto

Desafio vencido

2 comentários

  • Foto de rique.faria

    rique.faria 11 de ago de 2021

    Um trilho magnífico que se entranha pelo gerês profundo, sempre muito bem marcado ou mariolado. A subida ao cume de Porta Ruivas é a cereja no topo do bolo. Não apresenta, teoricamente, grande dificuldade, a não ser pela sua extensão. Aconselha se a fazer em dias estivais, pois a sua extensão exige tempo e momentos de contemplação.

  • Foto de rique.faria

    rique.faria 11 de ago de 2021

    Magnífico

Você pode ou esta trilha