Horas  11 horas um minuto

Coordenadas 2634

Uploaded 14 de Setembro de 2019

Recorded Setembro 2019

-
-
2.136 m
800 m
0
5,5
11
22,06 km

Visualizado 134 vezes, baixado 13 vezes

próximo a Posada de Valdeón, Castilla y León (España)

FOTOS DESTA E DE OUTRAS TRILHAS EM ”CAMINHANTES"


CIRCULAR PELO SECTOR SUL DO MACIÇO OCIDENTAL (SECTOR DE LA BERMEJA)

O Maciço Ocidental dos Picos de Europa divide-se em dois submaciços ou setores: o núcleo principal, El Cornión, onde se encontra a Torre Santa de Castilla e outros importantes picos do maciço, e um grupo de picos algo menos elevados que separam assim o Sul e que é conhecido como o setor de La Bermeja. Tanto a Torre Bermeja, como os outros picos do setor, localizam-se nas fraldas do Valle de Valdeón oferecendo assim a este vale seus canais e paredes abruptas. Vista desde Posada de Valdeón, toda a vertente aparece como uma sucessão de paredes verticais de aspeto inacessível.

O trilho circular realizado é uma interessante atividade de montanha para realizar na zona de Valdeón devido ao seu enquadramento no maciço, que proporciona uma completa panorâmica de toda a zona. A maioria dos cumes de El Cornión e de Urrieles são visíveis, especialmente a Torre Santa de Castilla. Trata-se de um longo percurso, difícil e exigente, mas muito bonito com um importante desnível a superar, que nos permite conhecer muito bem o setor de La Bermeja e desfrutar de zonas pouco percorridas nos Picos de Europa.

Iniciamos o trilho em Posada de Valdeón, seguimos pela Calle del Gral Mola em direção ao Rio Cares que atravessamos pela “puente de hormigón”. Aqui o caminho bifurca-se, à esquerda conduz até ao Monte Piergua e à direita conduz a Cordiñanes e Cain (Ruta del Cares). Seguimos por esta última, pelo Camiño Bustio até à interseção com a estrada de Cordiñanes, que seguimos até à primeira curva, são sensivelmente cem metros. Aqui deixamos a estrada para seguir o PR de La Farfada, que progride por um caminho que nos leva a atravessar o Argayo Trasárbol e os canais de Sardón, até chegarmos ao Monte Corona. A partir daqui, continua até à La Farfada e bosque de Los Cabildos onde iniciamos a longa e ingreme subida do Canal de Capozo com esplêndidas vistas, nas nossas costas, do Maciço Central. Passamos pela Fuente Hou Cabrero que estava seca, onde logo de seguida tivemos uma pequena trepada para alcançar a zona de Pedriza Carbanal já com um manto fino de neve o que dificultou a progressão pelo trilho de pé posto.

Alcançamos Vega Huerta aos 2043 metros, foram mais de 1100 metros de desnível em seis quilómetros. Seguimos para o seu pequeno refúgio muito básico, mas bem conservado que pode ser usado. Aproveitamos o local para almoçar e retemperar forças nos raios de sol que nos aqueciam agradavelmente. Descemos à fonte de Vega Huerta para abastecer de água e retomamos o circuito.

Desde Vega Huerta abre-se um outro panorama eloquente: a enorme massa de rochas das paredes de Torre Santa de Castilla. Seguimos pelo Camino del Burro, não tem como enganar, está muito bem marcado e um quilómetro depois estamos no Collado del Burro. Uma pequena paragem para uma serie de fotos da “praxe” em frente à imponente face Sul de Peña Santa de Castilla. Local de magníficas panorâmicas sobre o Maciço Central dos Picos!


Panorâmica da vertente Sul de Peña Santa de Castilla desde o Collado del Burro

Aqui, começa uma descida íngreme através do Canal del Perro, a descida faz-se em ziguezague com cuidado para não escorregar. Atravessamos uma pequena zona de cascalho até uma bifurcação junto à Collada del Frade mantemos caminho em frente para descer a Vega de Llós e a Soto Valdeón. Agora a paisagem muda e encontramos um Collado (Peña Parda) onde várias cabeças de gado pastam livremente. Aqui, o caminho de pé posto mal se nota, seguimos em direção às Las Moledizas, onde o caminho de pé posto volta a ficar bem definido. Ao fundo já se vê Vega de Llós, continuamos a descer em direção à sua fonte (Fuente de Llós) onde voltamos a abastecer de água. Atravessamos Vega de Llós e seguimos o PR 12 de Vega de Llós em direção a Posada de Valdeón pelo caminho florestal de Caldevilla, por um denso bosque de carvalhos. Pouco depois estávamos em Fuente Oscura, continuamos pelo Collado de Bustiello até Soto de Valdeón. Aqui viramos à esquerda para continuar pelo PR 12 até Posada de Valdeón, local de término deste longo e exigente circuito pelo sector Sul do Maciço Ocidental (Sector de La Bermeja).

FICHA TÉCNICA
Dia 12 de setembro 2019
Percurso: Posada de Valdeón - Camiño Bustio - La Farfada - Los Cabildos - Canal de Capozo - Vega Huerta - Camiño del Burro - Collado del Burro - Canal del Perro - Collada del Frade - Las Moledizas - Vega de Llós - Collado de Bustiello - Soto de Valdeón - Posada de Valdeón
Distancia: 22,1 km
Duração: 11h02min
Tempo em movimento: 7h29min
Tempo parado: 3h33min
Movimento médio: 2,95kms/h
Acumulado positivo: 1879m
Acumulado negativo: 1874m





Se gosta das nossas trilhas adicione a sua avaliação no final da página.
Obrigado pelo seu comentário e avaliação.

Si te gusta nuestras rutas haz tu propia valoración al final de la página.
Gracias por tu comentario y valoración.

If you like our trails, leave your own review at the end of the page.
Thank you for your comment and review.

A equipa Caminhantes
Waypoint

POSADA DE VALDEÓN

Waypoint

EMBALSE DE CORDIÑANES

Waypoint

INDICADOR (PR-35 LA FARFADA)

Waypoint

PUENTE ARGAYO TRASÁRBOL

Waypoint

LA FARFADA

Waypoint

CANAL DE CAPOZO

Waypoint

VISTA MACIZO CENTRAL

Waypoint

VERÓN DEL CORBO

Waypoint

FUENTE HOU CABRERO

Waypoint

COLLADO VEGA HUERTA

Waypoint

REFUGIO VEGA HUERTA

Waypoint

FUENTE VEGA HUERTA

Waypoint

VISTA TEZOS DE COTALBÍN

Waypoint

CAMIÑO DEL BURRO

Waypoint

COLLADO DEL BURRO

Waypoint

CANAL DEL PERRO

Waypoint

COLLADO DEL FRADE

Waypoint

COLLADO (PEÑA PARDA)

Waypoint

FUENTE VEGA DE LLÓS

Waypoint

VEGA DE LLÓS

Waypoint

VISTA MACIZO CENTRAL

Waypoint

FUENTE OSCURA

Waypoint

BOSQUE (GIRAR IZQUIERDA)

Waypoint

SOTO DE VALDEÓN

Comentários

    You can or this trail