Horas  uma hora 20 minutos

Coordenadas 884

Uploaded 18 de Novembro de 2017

Recorded Novembro 2017

-
-
785 m
676 m
0
2,1
4,2
8,4 km

Visualizado 1396 vezes, baixado 34 vezes

próximo a Rio Grande da Serra, São Paulo (Brazil)

Cachoeira da Fumana - Paranapiacaba

Video da trilha: https://www.youtube.com/watch?v=gz8RVX7ABw4

Trilha foi gravada, pode segui-la.

Para o acesso, é necessário pegar o trem e descer na ultima estação: Rio Grande da Serra.
Saia da estação, atravesse os trilhos para a avenida, caminhe na avenida no sentido contrário à estação e logo a frente entre à esquerda. Quando virar à esquerda, atravesse para o lado direito da rua e você verá um ponto de onibus. Nesse ponto pegue o onibus de numeração 424, a tarifa é de 4,20 ( Nov/2017). O trajeto é rápido, mais ou menos uns 10 minutos ou até menos. Peça ao motorista ou cobrador te deixar no ponto da trilha da cachoeira da fumaça. Uma referencia para dar o sinal: O onibus vai entrar na rodovia, vai sair da região urbana e na rodovia terá muita vegetação dos dois lados. Ao lado direito terá um ponto de onibus em frente ao ponto há um acesso a um clube e ao lado do clube tem um portão grande e uma rua pequena. Passou desse lugar, dê o sinal. Ao descer do onibus, volte uns 2 minutos andando, na mesma calçada e voce verá uma entrada larga, dá até para um carro entrar, trilha de barro. Entre e siga a diante até a trilha começar a ficar mais fechada. Todo o trajeto da trilha é repleto de lama e pequenos lagos ou poças d'agua. Comigo foi impossível não afundar a bota na agua. Algumas poças dá pra desviar ou pisar ao lado, na grama das beiradas, mas na grande maioria voce terá que desencanar e afundar mesmo. A trilha começa tranquila, mas depois ela fica chata. Para pessoas que não tem o costume de praticar trilha ou dependendo da disposição física, essa trilha pode ser difícil. Cuidado com as pedras que pisa, pois quase sofri um entorse. Todo cuidado é pouco. Sobre bifurcações é um pouco complicado explicar porque alguns locais parecem mas não são bifurcações. Minha experiência foi encontrar apenas duas bifurcações. ( pode ser que a experiência de outra pessoa seja mais rica em detalhes e bifurcações ), talvez o motivo para eu não me atentar às bifurcações foi sempre me manter ao caminho mais demarcado ou mais aberto. E recomendo isso. Mas postei fotos de uma bifurcação que voce terá que seguir e outro caminho na qual voce terá que manter. Em alguns pontos voce terá que atravessar o riacho da direita para esquerda e vice versa; ao atravessar o riacho, procure a trilha logo a frente e se mantenha na trilha. Não recomendo seguir dentro do riacho.
Depois de caminhar + ou - uns 40/50 minutos, voce irá se ''deparar com um Y no riacho'', Mas não é um Y. O riacho não se divide. ( Eu tive essa confusão e entrei à direita, vi uma queda d'água e não tinha mais trilha, tive que voltar e seguir o riacho principal ) O riacho não se divide, ao lado esquerdo o riacho principal se mantém e o caminho ao lado direito, é outro riacho bem menor, com águas caindo de sentido contrário, que desemboca no riacho principal. Voce deve se manter no riacho principal, na esquerda. Não há perigo de se perder nesse ponto. Estando lá vc irá entender que é simples. Eu tive essa confusão, pois tive que seguir caminhando dentro do riacho pois a trilha nesse ponto estava com muitos bloqueios, arvores caídas etc...
Seguindo a diante, em menos de 10 minutos voce chega.
Quando ir, se atente ao caminho, pois na volta, o fato de atravessar o riacho logo no começo, pode parecer confuso e a trilha ''sumir''. Caso isso ocorra, basta seguir dentro do riacho acima e sempre procure a trilha na margem. Caso não encontre ( que é pouco provável ), volte e peça ajuda. Não é dificil voltar mas é bom ter recomendação. A trilha/cachoeira é bem movimentada.

3 comentários

  • Foto de Will Galbiate

    Will Galbiate 20/jan/2019

    Com exceção dessas bifurcações, tem algum outro cuidado pra fazer essa trilha?

  • Foto de JowBenjamin

    JowBenjamin 18/mar/2019

    Sou acostumado a ir pra cachoeira da fumaça e ir até a garganta do diabo, é bom colocar nessa descrição para q evitem fazer ela em época de chuvas, pois o fluxo de água se eleva muito e fica bem perigoso, quase fui arrastado ontem próximo a garganta do diabo, que é uma queda de uns 8 metros de altura. Fora isso, é uma ótima trilha pra se fazer.

  • Foto de Paulokrg

    Paulokrg 18/mar/2019

    Olá will, desculpe a demora. Cara eu recomendaria você estudar a trilha em outras fontes tbm, ver no you tube pois cada um tem uma observação para agregar além dos cuidados que descrevi aqui. O Jow comentou aqui, algo que eu não sabia pois nunca fiz a trilha em dias chuvosos e até agradeço pela observação.

You can or this trail