Coordenadas 959

Enviada em 12 de Abril de 2015

Registrada em Março 2015

  • Avaliação

     
  • Informações

     
  • Fácil de fazer

     
  • Paisagem

     
-
-
1.438 m
955 m
0
2,1
4,1
8,28 km

Visualizado 10048 vezes, baixado 267 vezes

perto de Borda do Campo, Paraná (Brazil)

Track ao cume do Morro do Anhangava, com retorno pela Cachoeira do Anhangava (cachoeira do assalto), utilizando a trilha clássica que começa no Posto de Controle do IAP, e que também dá acesso ao Caminho Colonial do Itupava.

Do tupi "Morada do Diabo", ou "Nhãnhã" como é carinhosamente chamado pelos locais. Morro localizado no Parque Estadual do Baitaca, e conhecido como um dos berços da escalada brasileira.
Mais informações em: http://caminhodoitupava.com.br/itupava/anhangava.asp

A trilha ao cume e cachoeira apresenta inclinação baixa à alta, exigindo boa articulação dos joelhos e equilíbrio. Há pontos de curta duração de subida vertical, que são transpostos com o auxílio de grampos instalados na rocha, que exigem esforço físico e psicológico, não recomendado para acrofóbicos (medo de altura). Próximo ao final, há também um trecho de subida com inclinação média na rocha exposta, sem auxílio de grampos. A trilha para cachoeira apresenta solo barrento e instável em alguns pontos.
O começo da trilha apresenta várias bifurcações referentes às extrações de granito na região. Mais a frente, há algumas placas indicando o caminho em alguns pontos, mas a sinalização não segue um padrão específico e há algumas trilhas secundários no caminho. Entretanto, a trilha principal é bem marcada e a orientação não costuma ser problemática.
No começo da trilha, é obrigatório o cadastro no Posto de Controle do IAP. O cadastro auxilia o controle de visitantes, e pode auxiliar a na possibilidade de ser necessário resgate.

ATENÇÃO: A região do Anhangava e Caminho do Itupava é conhecida por ser palco de muitos assaltos, tendo ocorrido um recentemente e muitos outros inclusive documentados em vídeo (assalto a um grupo de 16 jovens próximo a cachoeira: http://globotv.globo.com/rpc/parana-tv-1a-edicao-curitiba/v/grupo-e-assaltado-por-homem-armado-na-trilha-do-itupava/3011854/ ). Devido a isto, procure ir somente em grupos grandes, fins de semana, e em caso de assalto, nunca reaja. Em geral, os assaltantes só levam equipamentos pequenos (celulares), mochilas e carteiras, a sua vida e de seus companheiros vale muito mais que isso.
Para evitar situações como esta, fomos num domingo em que sabíamos que também subiria um grupo grande do CPM, tendo certeza que a montanha ia estar cheia de gente e reduzindo as possibilidades de assalto.

Considerando: a falta de sinalização padronizada e frequente; a trilha principal bem marcada; o alto risco de vandalismo; ascensão através de grampos e rocha exposta; solo instável em alguns pontos; cadastro de visitantes na entrada; grande número de visitantes e proximidade a centro urbano; classifico esta trilha como MODERADA (com clima favorável).
*Esta classificação prioriza a dificuldade técnica.


CONHEÇA PARA PRESERVAR
Os ambientes naturais são patrimônio de todos, e quaisquer atividades realizadas neles apresentam uma série de riscos. Aproveite-os com responsabilidade:
0- Procure sempre ir acompanhado de alguém que conheça a trilha e região, e deixe pessoas avisadas em casa sobre seu destino e horário previsto de retorno.
1- Traga de volta todo o lixo produzido (inclusive biodegradável) e destiná-lo corretamente;
2- Evite provocar incêndios – não faça fogueiras; não jogue fora pontas de cigarros e
cacos de vidro;
3- Não colete plantas (mudas, sementes ou flores secas), animais, rochas ou cristais;
4- Não moleste animais silvestres; não ofereca ou deixar restos de alimentos e não pesque;
5- Evite fazer barulhos desnecessários; não use aparelhos de som;
6- Ande sempre nas trilhas habituais, evitando a erosão em trilhas alternativas;
7- Não deixe marcas em troncos e pedras;
8- Evite desmoronamentos ao entrar e sair de rios, não jogue nada neles;
9- Não entre acompanhado de animais de estimação
10- Não leve bebidas alcoólicas, explosivos, fogos ou armas de fogo ou de
pressão;
11- Não faça uso de sabonetes e shampoos ao entrar nas águas;
12- Tome cuidado com animais peçonhentos, como cobras, aranhas e escorpiões;
13- Em caso de raios evite árvores isoladas e locais encharcados;
14- Muita atenção ao horário de retorno (variável de acordo com a estação), leve SEMPRE lanterna e baterias sobressalentes.
15- Lembre-se: em ambientes naturais há riscos de diversos acidentes e a fadiga pode favorecê-los. Boa parte dos acidentes ocorrem no retorno (70%), leve sempre consigo um kit de primeiros socorros, apito, e celular desligado (preserva a bateria);
16- Ao atravessar ou banhar-se em rios e cachoeiras tenha consciência que os mesmos podem subir repentinamente. Isso pode gerar situações perigosas, ilhando ou até arrastando as pessoas. Mesmo não chovendo no local, chuvas a acima podem provocar cheias, conhecidas por trombas d’água;
17- Atenção com a viração, nevoeiro repentino que ocorre principalmente em ambientes montanhosos, e que reduz fortemente a visibilidade.
(adaptado de "Termo de Responsabilidade - PARNA Aparados da Serra")
Rio

Riacho

Como a montanha é muito frequentada, e já houve relatos desta água estar com qualidade ruim, recomendo só consumir esta água após o uso de pastilhas sanitizantes
Queda de água

Alta Cachoeira do Anhangava

Parte alta da Cachoeira do Anhangava
Interseção

Cruzo PostoIAP-Anhangava-Cachoeira

Nordeste - Anhangava Cume Sudeste - Cachoeira Oeste - PostoIAP
Interseção

Cruzo PostoIAP-Itupava-Cachoeira

Leste - Cachoeira Oeste - Posto IAP Sul - Itupava
Queda de água

Cachoeira do Anhangava

Também conhecida como Cachoeira do Assalto
pico

Cume Anhangava

1435m
Mina

Pedreira

Extração de granito em atividade
Mina

Pedreira 2

Extração de granito abandonada
estacionamento

Posto IAP - Estacionamento

Local de estacionamento (média 10,00 reais a diária) Cadastro no Posto do IAP obrigatório
foto

Mirante do Planalto

Mirante com visão em 180 graus do Primeiro Planalto

9 comentários

  • Foto de 76marcos76

    76marcos76 3/dez/2015

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    trilha boa , pena que tem esse problemas de assaltos, e bom você ir fim de semana que tem bastante movimento.

  • Foto de Johnny S

    Johnny S 22/jul/2016

    Parabéns pela descrição e capricho.
    Vou segui-la este final de semana, obrigado.

  • Foto de otavio guilherme ritzmann bozzi

    otavio guilherme ritzmann bozzi 23/jun/2017

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Trilha muito tranquila, quando você quer fazer trilha e não tem muito tempo disponível, esse é o lugar, se der tempo é legal passar na cachoeira também.

  • henrygobato 22/set/2017

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    boa de fazer e uma boa opção para um bate e volta

  • Foto de JCWB

    JCWB 19/out/2017

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Trilha boa para iniciar no montanhismo, bem sinalizada, fácil para moderada pois tem uns pedaços com grampo, mas só manter a calma e vai que vai. Fiz sozinho, encontrei pessoas pelo caminho, mas não teve nenhum perigo de assalto, atualmente está mais tranquilo esta situação. Se ainda não estiver indo pra lá tá esperando o que?!?!

  • Foto de Rommel Fred

    Rommel Fred 3/jul/2018

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Fiz Varias Vezes com Jaison Lino e Frajola

  • Foto de williandobis

    williandobis 30/jul/2018

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Trilha tranquila para levar a familia, alguns obstaculos porém tranquilos.

  • Foto de Ricardo.Lemos

    Ricardo.Lemos 27/ago/2018

    Eu fiz esta trilha  verificado  Ver mais

    Trilha curta e rápida, com alguma dificuldade técnica mais próxima ao cume devendo tomar um certo cuidado nos grampos e rampa inclinada. Ótima opção para contemplar a natureza. Incluindo a cachoeira, o passeio fica melhor ainda.

  • Fabricio Ht 3/set/2020

    Eu fiz esta trilha  Ver mais

    Excelente.

Você pode ou esta trilha