Horas  8 horas 37 minutos

Coordenadas 1510

Uploaded 10 de Maio de 2015

Recorded Maio 2015

  • Rating

     
  • Information

     
  • Easy to follow

     
  • Scenery

     
-
-
67 m
1 m
0
4,8
9,6
19,12 km

Visualizado 10938 vezes, baixado 576 vezes

próximo a Porto Covo, Setúbal (Portugal)

A Rota Vicentina é uma Grande Rota (GR) pedestre no SW de Portugal. Formada pelo Caminho Histórico e pelo Trilho dos Pescadores, a Rota Vicentina propõe uma vivência única destes dois mundos, entre uma cultura rural viva e autêntica e uma costa surpreendentemente selvagem - integralmente dentro do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina - que merecem toda a nossa atenção, para que assim se possam preservar por muitos anos. Esta rota resulta de uma criteriosa selecção de caminhos rurais e costeiros, para um usufruto pleno desta área litoral, que se encontra num precioso estado de conservação, no que respeita à paisagem, aos valores naturais e ambientais, à cultura e às tradições.
Percorremos parte da Rota Vicentina, iniciamos o percurso em Porto Covo, calcorreamos quatro etapas do Trilho dos Pescadores até Odeceixe, depois seguimos o Caminho Histórico até ao Cabo de São Vicente, ao longo de outras três etapas, totalizando 165 kms dos 350 kms possíveis.
É uma rota imperdivel, duma beleza que nos deslumbra constantemente.

As etapas realizadas:
1ºDIA: Porto Covo - Vila Nova de Milfontes external
2ºDIA: Vila Nova de Milfontes - Almograve external
3ºDIA: Almograve - Zambujeira do Mar external
4ºDIA: Zambujeira do Mar - Odeceixe external
5ºDIA: Odeceixe - Arrifana external
6ºDIA: Arrifana - Carrapateira external
7ºDIA: Carrapateira - Cabo de S. Vicente external

1ºDIA: PORTO COVO - VILA NOVA DE MILFONTES
Esta é a etapa das praias, em que caminhamos ao longo dos extensos areais das praias da Ilha do Pessegueiro, Aivados e Malhão e ainda descobrimos pequenas enseadas desertas que nos surpreenderam. Foi um percurso cansativo, dada a sua extensão e o piso sempre de areia.
É absolutamente fantástica a diversidade de formas que as praias assumem apenas nesta etapa. Praias protegidas por rochas antigas, escuras, que resistem gloriosamente à erosão, formando falésias e ilhotas (a que os locais chamam palheirões). Praias como a dos Aivados, de calhaus rolados, arredondados pela erosão do mar. Praias em que as dunas fósseis descem até ao mar deixando-se trabalhar por ele em rendilhados surpreendentes, como na praia do Faquir ou do Farol. Praias de areia, em suave transição desde o cordão dunar, como o Malhão. Praias com bicas de água doce, vinda da serra por caminhos subterrâneos, justificando o nome de Milfontes.
A biodiversidade das dunas é notável, mostrando todo o seu esplendor de Março a Junho, com uma profusão de cores, aromas e formas absolutamente espantosa. Estas plantas têm adaptações perfeitas para este meio hostil, com um solo pobre, mais de seis meses sem água e ventos fortes e salgados. Mesmo plantas como o pinheiro, o alecrim ou a esteva, adquirem aqui formas diferentes e melhor adaptadas às condições severas. Algumas destas espécies são endémicas da costa sudoeste e não podem encontrar-se em mais nenhum local do mundo.

Alojamento utilizado:
Milfontes Backpackers Hostel (HS Milfontes Beach) | Telefone: 283 996 517 | email: [email protected]

Ficha Técnica Oficial
Inicio: Porto Covo, no largo do Mercado
Fim: Vila Nova de Milfontes, no Posto de Turismo da vila
Extensão: 20 km
Duração aproximada: 7 horas
Subida acumulada: 167 m
Descida Acumulada: 149 m
Grau de dificuldade: Difícil
Altitude máxima: 51 m
Altitude mínima: 1 m
Época aconselhada: Setembro a Junho

Fonte: http://www.rotavicentina.com

10 comentários

  • Andre Silva 19/jul/2016

    Parabéns pelo trabalho de disponibilizar tanta informação importante sobre esta rota. Estou a pensar fazer esta caminhada em outubro. Pode-se dizer se teve alguma dificuldade / susto com cães soltos ao longo do percurso?
    Cumprimentos
    André

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 20/jul/2016

    Olá André Silva, obrigado pela visita.
    É uma rota muito bonita, recomendo vivamente a sua realização. Em todo o percurso não tivemos qualquer susto com cães.
    Boas caminhadas!

  • Vitro Dias 8/out/2017

    I have followed this trail  View more

    Todo o trajeto é lindo.

  • Foto de eduardolukas

    eduardolukas 23/jul/2018

    Very good start, wonderful place, some times you don’t find so much easy the signs. But if you pass thru this, the rest is so much easy.

  • Foto de eduardolukas

    eduardolukas 23/jul/2018

    Very good start, wonderful place, some times you don’t find so much easy the signs. But if you pass thru this, the rest is so much easy.

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 24/jul/2018

    Thanks for comment, have a good hiking.

  • Foto de kevin199993

    kevin199993 25/set/2018

    I have followed this trail  View more

    A areia é a única desvantagem deste troço da rota.

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 25/set/2018

    Obrigado pelo comentário e valorização kevin199993.
    Sim de facto nesta etapa a areia exige um esforço fisico acrescido...
    Boas caminhadas

  • Foto de Gianni Noitrek

    Gianni Noitrek 29/jan/2019

    Olá, você pode me dar instruções de acomodação disponíveis durante a viagem. Somos um grupo de 15 pessoas italianas e gostaríamos de fazer a viagem em maio de 2019. Obrigado
    1ºDIA: Porto Covo - Vila Nova de Milfontes external
    2ºDIA: Vila Nova de Milfontes - Almograve external
    3ºDIA: Almograve - Zambujeira do Mar external
    4ºDIA: Zambujeira do Mar - Odeceixe external
    5ºDIA: Odeceixe - Arrifana external
    6ºDIA: Arrifana - Carrapateira external
    7ºDIA: Carrapateira - Cabo de S. Vicente external

  • Foto de Caminhantes

    Caminhantes 29/jan/2019

    Olá Gianni Onorati!
    Nas descrições das etapas temos o alojamento utilizado e respetivos contactos... devem entrar em contacto para efetuar as reservas.
    Saudações!

You can or this trail