Horas  5 horas 13 minutos

Coordenadas 1850

Uploaded 3 de Dezembro de 2017

Recorded Dezembro 2017

-
-
1.561 m
1.101 m
0
2,5
5,0
10,09 km

Visualizado 222 vezes, baixado 17 vezes

próximo a Penhas da Saúde, Castelo Branco (Portugal)

Este percurso tinha como novidade, para nós, a subida ao Vale da Candeeira por uma das derivações do PR5 (Rota do Maciço Central), a que tem início na segunda ponte de madeira que transpõe o Zêzere (no sentido do Covão d’ Ametade para Manteigas).

Delineamos assim um trajeto que, não sendo propriamente difícil, consideramos de moderado, algo alto, embora esta apreciação seja sempre muito subjetiva.

Com início no Covão d’ Ametade, seguimos no sentido contrário aos ponteiros do relógio, percorrendo o único quilómetro de asfalto de todo o percurso (N338), antes de descer ao Vale Glaciar do Zêzere.

Todo o restante do trajeto decorre por carreteiros, algum estradão (estrada dos Lameiros) e essencialmente por trilhos de montanha, bem marcados no PR5, desde o Vale da Candeeira até ao Covão d’ Ametade, e no PR6 (Rota do Glaciar), cujas sinaléticas foram repintadas e houve limpeza recente de matos e giestas, com exceção da derivação do PR5 que sobe ao Vale da Candeeira.

Recomendações:
Cuidado com o gelo. Nas zonas com mais horas de sombra e perto das cascatas da Candeeira, existia algum gelo nas rochas.
Na subida ao Vale da Candeeira, única zona do percurso que ainda não teve limpeza de matos e giestas, deve-se ter todo o cuidado para não se perder a ligação das mariolas (pedras sobrepostas), porque subir demasiado, compromete, seriamente, a passagem para o Vale.

Comentários

    You can or this trail