Dificuldade técnica   Só para experientes

Horas  11 horas 3 minutos

Coordenadas 2324

Uploaded 1 de Abril de 2017

Recorded Setembro 2011

-
-
1.833 m
1.016 m
0
3,6
7,3
14,53 km

Visualizado 270 vezes, baixado 17 vezes

próximo a Antas, Rio de Janeiro (Brazil)

A reabertura da trilha nos consumiu três dias pois percorríamos 4 Km para chegar na entrada da trilha e consequentemente mais 4 Km no retorno. Estacionamos o carro antes da cerca trancada após o imenso portão vermelho.
Para entrar na propriedade pedimos autorização. O atual dono não tem deixado.
A estrada segue em alguns trechos paralela ao Rio das Antas.
Esse rio forma imensos lagos que só podem ser atravessados a nado. Há excelentes lajes de pedra para se brincar de escaladas.
Devemos ficar atentos após uma plantação de eucaliptos passamos por umas construções abandonadas. Vemos o Morro do Carmo em destaque. Continuamos a subir antes da ponte destruída, à direita do rio há uma discreta trilha de caçador. Entramos por ela. No segundo dia Berardi resolveu bifurcar logo no início. Ambos os caminhos conduzem ao mesmo lugar.
Contornamos uma enorme área de brejo. Pegamos uma crista com a vegetação bastante alterada. Por essa razão a sombra deixa de ser encorpada. Antes do cume há uma bela pedra mirante (conquistada em 98 na exploração do Morro do Carmo). Na excursão inaugural uma chuva pôs todos para descer antes de chegar ao cume. Portanto essa é a segunda vez que se chega ao cume.
Passamos abaixo das três lajes que permeiam essa pedra. Descemos à direita do colo que separa o Carmo em direção a crista da direita. Esta une-se a principal. O cume possui bela visão do conjunto da Mulher de Pedra.
As aves anunciam o início da primavera. Corocochós, saudades, bando de psitacídeos, tico-ticos e saíras alegram as matas. Embelezando a floresta temos: flor-de-maio; várias espécies de bromélias e a endêmica sofrodites. No ar aspiramos a suave fragrância dos Senécios.
A nos acompanhar incessantemente as mutucas. Uma adotou o Berardi. Até batizamos de Tchuchinha.
Nascente
Laje
Laje
Caseiro Celso
Colo
Crista / Pedra
Direita
Rio Seco
MORRO DO CARMO

2 comentários

  • Foto de alexlisboa96

    alexlisboa96 27/mai/2018

    O que ta acontecendo pro dono não deixar passar pra entrar nas trilhas desses lugares?
    É um parque estadual, ele nem deveria ter casa ali pra começo de conversa.. E também que diferença vai fazer na vida do cara se eu subir o morro que está atrás da casa dele?

    Tem que é expulsar esses caras daí..

  • Foto de fberardi

    fberardi 28/mai/2018

    Oi Alex.

    Como praticamente todos os parques brasileiros foram criados contendo propriedades particulares.
    Entendo o outro lado. Muitos proprietários nunca foram indenizados para deixar a de utilizar a terra.
    Só vejo um caminho para esse embate. Os parques deveriam "costurar" o acesso com os donos de propriedade que possuam atrativos naturais.
    É um absurdo a gente frequentar um local e se ver proibido de acessar sem motivo justificável.
    O pior é que o povo quem custeia as áreas protegidas por lei.


You can or this trail