Tempo em movimento  2 horas 16 minutos

Horas  4 horas 34 minutos

Coordenadas 1328

Uploaded 24 de Abril de 2019

Recorded Abril 2019

-
-
1.896 m
1.618 m
0
1,9
3,7
7,48 km

Visualizado 36 vezes, baixado 2 vezes

próximo a Paiol Grande, São Paulo (Brazil)

Trilha que percorre parte do chamado "Complexo do Baú", em São Bento do Sapucaí, região da Serra da Mantiqueira.

"Baú" é referência á Pedra do Baú, uma grande formação com largura fina e comprimento e altura grandes, como se fosse um "bico" alongado, que é avistada em vários municípios da região - inclusive em pontos de Campos do Jordão.

A pedra está localizada em um parque municipal e possui um conjunto de trilhas em bom estado de conservação. Há dois pontos de partida para as trilhas, o estacionamento Chico Bento (acessível a partir da cidade de São Bento, em uma estrada lateral onde ficam uma série de pousadas) e o estacionamento Bauzinho (acessível a partir da SP-383, que liga Campos do Jordão a São Bento. Placas indicam a entrada do parque, à esquerda para quem segue sentido São Bento.).

Este tracklog parte do estacionamento Bauzinho. É possível estacionar ainda mais perto da trilha, porém há placas informando que apenas veículos autorizados podem transitar neste último trecho de estrada. Quando fui, apesar de todo mundo desrespeitar a proibição, fiquei no espaço indicado. Portanto, o começo deste tracklog é em estrada aberta.

O complexo do Baú tem 3 trilhas: Bauzinho, Pedra do Baú e Pedra Ana Chata. Este tracklog possui apenas as duas primeiras.

O Bauzinho é uma pedra que fica de frente para a Pedra do Baú, e a trilha é curta e fácil. Há uma leve escalaminhada no fim que já pode assustar alguns, mas é ela quem leva até a ponta do Bauzinho e proporciona a vista mais famosa da pedra do baú, em que ela fica parecendo uma pedra fina.

Para a Pedra do Baú, é preciso retornar ao estacionamento e seguir por outro caminho (há indicações por todo o percurso). Há alguns declives e aclives, nada pesado. Uma placa vai indicar o caminho para a pedra à direita, e segue-se para o último aclive. Ele termina na chamada "Via Ferrata" - face Norte.

A "Via Ferrata" nada mais é que um extenso conjunto de degraus, escadas e corrimãos concretados na Pedra do Baú e que permitem a sua escalada. São quase 200m de altitude apenas nesta subida. Não é uma subida em série, há pequenos trechos de trilha sobre pedra que conectam os diversos trechos da "Via Ferrata". Ela termina já no alto da pedra, por onde é possível caminhar mais um pouco até o cume e ter uma bela visão em 360º de toda a região.

O recomendado é subir a Via Ferrata com a ajuda de equipamentos de segurança. Qualquer escorregada é fatal. Há vários operadores de turismo que podem ser contratados para este serviço. Conheça seus próprios limites e não aja sem noção. E, por favor, se subir por conta não fique se gabando pra não encorajar quem não tem preparo. Existe uma outra "Via Ferrata", na face Sul, mas ela está interditada.

Lá no alto, encontrei uma espécie de Preá que está nas fotos.

Pra chegar a trilha da pedra Ana Chata, é só seguir as indicações na trilha. Ela também tem uma "Via Ferrata" até o seu topo.

Este é um lugar especial em SP.

2 comentários

  • Foto de mateusmaps

    mateusmaps 7/mai/2019

    Saberia me dizer se a face sul da via ferrata do Baú continua fechada?

  • Foto de julioettore

    julioettore 7/mai/2019

    Continua e sem previsão de reabertura. Abs

You can or this trail