Dificuldade técnica   Difícil

Tempo em movimento  2 horas 42 minutos

Horas  6 horas 37 minutos

Coordenadas 1374

Uploaded 26 de Janeiro de 2018

Recorded Janeiro 2018

-
-
2.802 m
2.368 m
0
2,1
4,3
8,52 km

Visualizado 231 vezes, baixado 14 vezes

próximo a União, São Paulo (Brazil)

Depois dos picos da Bandeira (Alto Caparaó-MG), do Garimpo (Barão de Cocais-MG), do Sol e Inficionado (Caraça-MG), o grupo de trekking Caminho da Roça foi atrás das Agulhas Negras...

DADOS:

O Pico das Agulhas Negras está situado entre o município mineiro de Bocaina de Minas e os municípios fluminenses de Itatiaia e Resende, no Parque Nacional do Itatiaia. Com 2.790,94  metro de altitude o pico é o quinto ponto mais alto do território brasileiro. Uma belíssima montanha com paredes de rocha gigantescas, que tiveram sua origem decorrente de uma erupção onde o magma se consolidou no interior da crosta terrestre, esfriando lentamente. Ele recebeu esse nome por causa das canaletas, que lembram agulhas paralelas umas às outras.

O Parque Nacional do Itatiaia foi fundado em 14 de junho de 1937 por Getúlio Vargas - o primeiro em todo Brasil. Ele tem mais de 30 mil hectares e faz parte dos estados do Rio de Janeiro (que possui a maior parte do Parque) e Minas Gerias, chegando até a divisa com São Paulo.

ACESSO:

O acesso ao pico das Agulhas Negras é feito pela rodovia BR-354, que liga a Via Dutra no município de Resende (Rio de Janeiro) à cidade de Itamonte (Minas Gerais). No nosso caso, acessamos o parque vindo de Minas Gerais, da região do Circuito das Águas (Caxambu e São Lourenço), passando por Pouso Alto e Itamonte, até chegarmos à localidade conhecida como Garganta do Registro, limite que separa os estados de Minas e Rio de Janeiro. A partir dali percorre-se uma estrada de terra com aproximadamente 17km. A estrada não é tão precária como muitos dizem em blogs por aí, mas é necessário ter paciência para fugir de buracos e pedras, apenas - você está em um parque, não em uma autoestrada alemã! Esta rodovia leva até o Abrigo Rebouças, onde começa a trilha que leva à escalada do pico.

Obs.: no verão, época que subimos o pico, só é possível subir até o estacionamento da portaria, visto que não se pode cruzar de carro as poças de água da estrada no vale central, onde o sapo flamenguinho se reproduz. Da portaria até o abrigo rebouças ou camping caminha-se 3 km.

ENTRADA E TARIFAS DO PARQUE:

# Entrada (só é aceito dinheiro):
- Público em Geral: R$ 33,00
- Ingresso para residentes no Brasil: R$ 17,00

# Abrigos e campings:
- Abrigo Rebouças e Abrigo Água Branca: R$ 30,00 por pessoa/dia
- Camping: 18,00 por pessoa/dia
Obs.: O abrigo Rebouças, onde nos hospedamos, possui ótima infraestrutura. Para mais informações, acesse o site (http://www.icmbio.gov.br/parnaitatiaia/guia-do-visitante.html).

SUBIDA:

É feita a partir do Abrigo Rebouças, caminhando por áreas de Campos de Altitude. Até a base das Agulhas Negras são 1.300 m que podem ser percorridos em aproximadamente 45 minutos. O tempo de ascensão varia de acordo com a via a ser utilizada, pois o maciço possui mais de 20 vias de escalada com diferentes graus de dificuldade.

Os 2.791 metros de altitude, podem ser alcançados em duas etapas. a primeira, requer cerca de 45 minutos de caminhada moderada do visitante até a base - a partir do Abrigo Rebouças. Depois, mais ou menos duas horas de subida pesada até o topo. Exige experiência, pois certos trechos da subida só são possíveis com apoio de uma corda de segurança e, para assinar o livro, é necessário fazer um pequeno rapel. Além dessa, o Pico tem outras vias de escalada.

FUNDAMENTAL:
1- Leia os tópicos "Conduta Consciente em Ambientes Naturais" e "Normas e Regulamentos", disponíveis no site (http://www.icmbio.gov.br/parnaitatiaia/guia-do-visitante.html).
2- Contate um guia para realizar a subida (também pelo site).

------------------------#------------------------

Para ver mais fotos, acesse meu Instagram: @rafaeltcheba (https://www.instagram.com/rafaeltcheba/)
  • Foto de Saída. Abrigo do Rebouças
  • Foto de Vista das prateleiras
  • Foto de Vista dos Agulhas
  • Foto de Ponte de madeira
  • Foto de Siga à direita
  • Foto de H2O
  • Foto de Informações importantes
  • Foto de Vista de uma das paradas
  • Foto de Vista do vale
  • Foto de Vista do vale
  • Foto de Pico do livro (à esquerda). É necessário descer um vão e subir o pico com rapel.

2 comentários

  • Foto de marcelo gouvea

    marcelo gouvea 20/mai/2018

    Bom dia rafael! Pow mano legal suas informações ajuda bastante pr quem queira ir pela primeira vez, quais são os equipamentos necessários q o parque exige até o pico?

  • Foto de Rafael Tcheba

    Rafael Tcheba 23/mai/2018

    Marcelo Gouvea, boa tarde.

    O parque exige apenas que você suba com guia. Neste caso, você pode conversar com o profissional sobre tudo, e ele será o responsável por levar todo o equipamento.

    O equipamento dependerá da rota que fizer. Mas, se fizer o caminho clássico, utilizará cordas uma vez ou outra.

You can or this trail